USP é a universidade brasileira mais bem classificada no ranking ARWU

Publicado no dia 15 de agosto pela Shanghai Jiao Tong University, o ranking avaliou mais de 1.200 instituições, classificando as 500 primeiras. A USP é a universidade latino-americana mais bem colocada.

 17/08/2015 - Publicado há 6 anos
Por

Publicado no dia 15 de agosto pela Shanghai Jiao Tong University, o ranking avaliou mais de 1.200 instituições, classificando as 500 primeiras. A USP é a universidade latino-americana mais bem colocada, no grupo entre a 100ª e a 150ª posição, mesma classificação alcançada no ano passado

Elaborado pelo Center for World-Class Universities da Shanghai Jiao Tong University – que há 25 anos estuda as universidades consideradas de classe mundial –, o Academic Ranking of World Universities (ARWU) foi publicado pela primeira vez em 2003, sendo um dos precursores dos rankings universitários.

Seis indicadores são utilizados para classificar as instituições, incluindo o número de ex-alunos e docentes ganhadores de Prêmios Nobel, número dos pesquisadores mais citados, número de artigos publicados nas revistas Nature e Science, número de artigos indexados no Science Citation Index – Expanded e Social Sciences Citation Index e a performance de pesquisa per capita relativa ao tamanho da instituição.

Harvard manteve a liderança do ranking, seguida por Stanford e pelo Massachusetts Institute of Technology (MIT). Com exceção das universidades inglesas de Cambridge (5ª posição) e de Oxford (10ª posição), todas as demais instituições que ocupam os 10 primeiros lugares são norte-americanas.

A Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), a Universidade Estadual Paulista “Júlio de Mesquita Filho” (Unesp) e a Universidade Estadual de Campinas (Unicamp) ficaram no grupo entre a 301ª e a 400ª posição. A Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) e a Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS) ficaram no grupo entre a 401ª e a 500ª posição. A listagem completa pode ser conferida no site do ARWU.

Classificação por área

Além da classificação principal, também foram publicados os rankings de acordo com a área geral e com a área de concentração.

Nas áreas de Ciências Naturais e Matemática (SCI); de Engenharia, Tecnologia e Ciências da Computação (ENG); de Ciências Agrícolas e da Vida (LIFE); e de Medicina Clínica e Farmácia (MED), a Universidade ficou no grupo das 101-150ª melhores universidades.

Em relação às áreas de concentração, a USP subiu para o grupo das 76-100ª melhores universidades na área de Matemática e foi classificada no grupo de 151-200ª nas áreas de Física, Química e Ciências da Computação.


Política de uso 
A reprodução de matérias e fotografias é livre mediante a citação do Jornal da USP e do autor. No caso dos arquivos de áudio, deverão constar dos créditos a Rádio USP e, em sendo explicitados, os autores. Para uso de arquivos de vídeo, esses créditos deverão mencionar a TV USP e, caso estejam explicitados, os autores. Fotos devem ser creditadas como USP Imagens e o nome do fotógrafo.