Em Piracicaba, inaugurações e homenagens ao Jubileu da USP

Compartilhar no FacebookCompartilhar no Google+Tweet about this on TwitterImprimir esta páginaEnviar por e-mail

Foi intensa a programação comemorativa dos 75 anos da USP, em Piracicaba, nos dias 10 e 11 de outubro, com a presença da reitora Suely Vilela. As atividades ocorreram na Escola Superior de Agricultura “Luiz de Queiroz” (ESALQ), em meio à realização da 51ª Semana “Luiz de Queiroz”, e no Teatro Municipal “Dr. Losso Netto”. 

 

Inicialmente, na tarde da sexta-feira, dia 10, houve a inauguração do Bloco 2 da Central de Aulas do Centro de Energia  Nuclear na Agricultura (Cena), cujo anfiteatro foi batizado com o nome de um de seus principais expoentes, o professor Epaminondas Sansigolo de Barros Ferraz. Foram investidos na construção do novo edifício da Central de Aulas, além da aquisição de mobiliário e outros equipamentos, cerca de R$ 930 mil. Os recursos vieram da Coordenadoria do Espaço Físico da USP e do próprio Cena.

 

“Lembro que a grande contribuição desse Centro está na ampliação da produtividade agroindustrial brasileira, por meio da atuação em diversas áreas do conhecimento, entre elas, o melhoramento genético de plantas, os estudos sobre nutrição animal, a fertilidade do solo e a irradiação de alimentos”, ressaltou Suely Vilela. “É importante ressaltar que essas áreas têm em comum a utilização da energia nuclear de forma pacífica, voltada para o desenvolvimento da sociedade”, completou.

 

Em conversa com jornalistas, Suely Vilela não poupou elogios à ESALQ. Lembrou, antes de tudo, das ações pioneiras desenvolvidas no campus de Piracicaba, como é o caso da criação do primeiro programa de pós-graduação internacional no Brasil, em caráter tripartite, com duas universidades norte-americanas, e a implantação do pólo de biocombustíveis, em janeiro de 2004.

 

Língua Inglesa

Pouco mais tarde, às 16h, foi inaugurado o Laboratório de Auto-Aprendizagem de Língua Inglesa da ESALQ, instalado na Divisão de Biblioteca e Documentação (DIBD) da Biblioteca Central. Fruto da parceria entre USP, IBM e Universia, a implementação do Laboratório de Auto-Aprendizagem da Língua Inglesa representa mais uma iniciativa pioneira do campus de Piracicaba, segundo o diretor da ESALQ, Antonio Roque Dechen.

No evento, Suely Vilela reiterou que a internacionalização das atividades da Universidade de São Paulo, visando à sua inserção no cenário mundial, é uma das principais metas estabelecidas por sua gestão. “Fazer parte de um mundo cada vez mais plano implica alinhar-se a várias de suas exigências, uma delas a de se reconhecer a língua inglesa como universal. No ambiente acadêmico, essa necessidade é ainda maior, e prover a comunidade com recursos facilitadores do aprendizado desse idioma é um compromisso que deve mobilizar as Unidades de Ensino e Pesquisa de nossa instituição”.

Exposição e Viola caipira

Fechando a programação do dia 10 de outubro, em torno dos 75 anos da USP, houve a inauguração, no Teatro Municipal “Dr. Losso Netto”, da exposição conjunta de pinturas do escritor piracicabano Thales Castanho de Andrade e da artista plástica Sonia Maria De Stefano Piedade. No mesmo local, a Orquestra Paulistana de Viola Caipira fez uma apresentação de mais de duas horas, sob a regência do maestro Rui Torneze, criador desse grupo musical, em 1997. Atendendo ao convite do maestro, a reitora subiu ao palco do Teatro Municipal para receber das mãos do professor do Departamento de Administração da FEA, Décio Zylbersztajn, integrante da Orquestra, um arranjo de flores, em singela homenagem aos 75 anos da Universidade.

Força da tradição

O sábado, 11 de outubro, foi marcado pela sessão solene de homenagem ao Jubileu da USP e pelo encerramento da 51ª Semana “Luiz de Queiroz”, no Salão Nobre da ESALQ. Mantendo a tradição de reunir-se festivamente nesse dia, ex-alunos da ESALQ, de diferentes gerações, não se acanharam em marcar presença ruidosa na solenidade, que contou com a participação de esalqueanos notabilizados na vida pública e na iniciativa privada. Entre eles, Fernando Penteado, formado pela ESALQ há 72 anos.

“Considero importante mencionar que a ata histórica da primeira sessão do Conselho Universitário, realizada em 17 de fevereiro de 1934, na Faculdade de Medicina, registrava a assinatura de três membros da ESALQ: professores Salvador de Toledo Piza Júnior, Theodureto de Almeida Camargo e José de Melo Moraes. É, portanto, com grande satisfação que comemoro, junto à comunidade do campus da USP em Piracicaba, os 75 anos da nossa Universidade”, considerou Suely Vilela.

Clique aqui para ver a galeria de fotos.

No link http://www.esalq.usp.br/acom/artigos.htm, estão disponibilizados artigos sobre o Jubileu da USP e a ESALQ.

(Crédito das fotos: Ernani Coimbra)

Compartilhar no FacebookCompartilhar no Google+Tweet about this on TwitterImprimir esta páginaEnviar por e-mail