Romance “Os Diabos de Ourém” é tema de palestra on-line gratuita

Autora da obra, a professora Maria Luiza Tucci Carneiro falará sobre o livro nesta terça-feira, dia 23, às 19 horas

A professora Maria Luiza Tucci Carneiro – Foto: Cecília Bastos / USP Imagens

 

Capa do livro Os Diabos de Ourém – Foto: Reprodução

A professora Maria Luiza Tucci Carneiro, da USP, vai falar sobre seu romance Os Diabos de Ourém numa palestra on-line gratuita nesta terça-feira, dia 23, às 19 horas. Promovido pelo Projeto Marajó Sefardi e pela Biblioteca Hebraica de Juiz de Fora, o evento será transmitido pelas plataformas Zoom e Youtube.

O livro está disponível gratuitamente para download pela Amazon/Kindle. Trata-se de um romance histórico baseado em fatos que ocorreram no século 19. “O fio condutor da narrativa é o da possessão do homem pelo diabo que, por uma tradição moralizadora da civilização ocidental, nos remete à prática do exorcismo como profilaxia espiritual e à organização da morte”, destaca a sinopse da obra. “O diabo está entre os personagens principais desse romance, ora invisível, ora manifesto, mas sempre presente como expressão de uma mentalidade supersticiosa modelada por valores cristãos e pela tradição popular, ambos seculares. Sombras, uivos, cheiros, sangue, medo e ruídos são formas que, segundo os crédulos, atestam sua presença, configurando uma imagem lapidada pela moral e pelo medo de pecar, predeterminadas pelo protótipo de Satanás.”

Maria Luiza Tucci Carneiro é professora do Departamento de História da Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas (FFLCH) da USP. Ela coordena o Laboratório de Estudos sobre Etnicidade, Racismo e Discriminação (Leer) da USP.

+ Mais


Política de uso 
A reprodução de matérias e fotografias é livre mediante a citação do Jornal da USP e do autor. No caso dos arquivos de áudio, deverão constar dos créditos a Rádio USP e, em sendo explicitados, os autores. Para uso de arquivos de vídeo, esses créditos deverão mencionar a TV USP e, caso estejam explicitados, os autores. Fotos devem ser creditadas como USP Imagens e o nome do fotógrafo.