Livro conta tristeza de violeiro ao voltar para o sertão degradado

Em “Chão, uma aventura violeira”, Paulo de Oliveira Freire relata viagem de dois anos pelo sertão brasileiro, ao lado do parceiro de viola Levi Ramiro

 01/07/2020 - Publicado há 1 ano

O programa Ambiente É o Meio desta semana conversa com o violeiro, escritor e contador de histórias Paulo de Oliveira Freire sobre o e-book Chão, uma aventura violeira, recém-lançado pela Editora e-galáxia. 

Freire conta que o livro é um diário de bordo que escreveu durante viagem em que percorreu todos os Estados brasileiros. Foram dois anos, ao lado do violeiro Levi Ramiro, no Projeto Sonora Brasil do Sesc. No enredo, Freire traz as experiências e descobertas que fez do sertão brasileiro enquanto apresentava a viola caipira. 

O escritor detalha o que observou durante a viagem, sua volta ao sertão brasileiro após longos 40 anos. Diz que presenciou a degradação que os seres humanos causam ao meio ambiente e sentencia: “O jeito que lidamos com a natureza é muito errado”. Para Freire, atualmente a humanidade está “colhendo o resultado de acreditar que se pode fazer tudo no meio ambiente sem ter consequência nenhuma”. 

Ouça no player acima o programa Ambiente É o Meio na íntegra. 


Política de uso 
A reprodução de matérias e fotografias é livre mediante a citação do Jornal da USP e do autor. No caso dos arquivos de áudio, deverão constar dos créditos a Rádio USP e, em sendo explicitados, os autores. Para uso de arquivos de vídeo, esses créditos deverão mencionar a TV USP e, caso estejam explicitados, os autores. Fotos devem ser creditadas como USP Imagens e o nome do fotógrafo.