Fundação Pró-Sangue faz apelo à população para doação voluntária

Semana do Doador busca contornar situação emergencial de queda de doações e aumentar estoques

  • 44
  •  
  •  
  •  
  •  

Dia 25 de novembro é a data mais importante para a hemoterapia brasileira: o Dia Nacional do Doador Voluntário de Sangue. A Fundação Pró-Sangue, que abastece mais de cem instituições de saúde da rede pública do Estado de São Paulo, promove a Semana do Doador para prestar um tributo aos doadores e também aquecer a coleta de bolsas. Para saber mais sobre a iniciativa, O Jornal da USP no Ar conversou com a doutora Sandra Camargo Montebello, responsável pela triagem e coleta de doadores do Posto Clínicas.

A médica conta que estoques estão em níveis críticos, com patamar 50% abaixo do indicado, sem algum motivo específico aparente. Para tentar reverter essa situação emergencial e aumentar o número de doações, a Fundação Pró-Sangue iniciou a campanha, que vai até o dia 24 de novembro. Filiados ao Pró-Sangue, os postos Mandaqui, Barueri, Clínicas, Dante Pazzanese e Regional de Osasco participam da iniciativa. O Posto Clínicas funciona inclusive aos sábados e feriados, das 8h às 17h.

Para aqueles interessados em contribuir, Sandra explica que o doador precisa preencher alguns requisitos básicos, dentre eles: ter entre 16 e 69 anos, pesar no mínimo 50 kg e estar saudável no dia do procedimento. Além disso, há um intervalo entre as doações que deve ser respeitado, para as mulheres o período é de três meses, para os homens, dois meses, sendo que as doadoras só podem realizar o procedimento no máximo três vezes por ano e os doadores, quatro.

  • 44
  •  
  •  
  •  
  •  

Textos relacionados