Cidades precisam de escala humana

Soluções para mobilidade urbana dependem de redistribuição viária que priorize pedestres

  • 155
  •  
  •  
  •  
  •  

Especialista em mobilidade urbana e responsável pela ONG SampaPé, Leticia Leda Sabino é a convidada desta semana do programa Ambiente é o Meio. Em entrevista ao professor Marcelo Pereira de Souza, Letícia incentiva a priorização dos pedestres quando se pensa em solução para os transportes nas cidades brasileiras.

Para reforçar sua tese, a especialista apresenta um dado que, segundo ela, é pouco conhecido da maioria das pessoas : “41% de todos os deslocamentos diários feitos nas cidades do Brasil são realizados exclusivamente a pé; começam e terminam a pé!”, diz. E, como as condições para caminhar não correspondem à demanda, Letícia comenta que a SampaPé atua para chamar a atenção para essa realidade.

Letícia conta que a SampaPé nasceu em 2012, com a incumbência de melhorar as condições de caminhadas na cidade. Antes disso, a idealizadora da ONG, que é administradora de empresas pela Fundação Getúlio Vargas, passou por especialização em Desenho Urbano e Planejamento de Cidades na University College London, Inglaterra.

Ambiente É o Meio é uma produção da Rádio USP Ribeirão Preto em parceria com professores da Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Ribeirão Preto (FFCLRP) da USP e o Programa USP Recicla da Superintendência de Gestão Ambiental (SGA) da USP.

Ouça acima na íntegra o programa Ambiente é o Meio.

Política de uso 
A reprodução de matérias e fotografias é livre mediante a citação do Jornal da USP e do autor. No caso dos arquivos de áudio, deverão constar dos créditos a Rádio USP e, em sendo explicitados, os autores. Para uso de arquivos de vídeo, esses créditos deverão mencionar a TV USP e, caso estejam explicitados, os autores. Fotos devem ser creditadas como USP Imagens e o nome do fotógrafo.


  • 155
  •  
  •  
  •  
  •  

Textos relacionados