Jovem violonista se destaca com o violão de sete cordas

A jornalista e musicóloga Maria Luiza Kfouri destaca o primeiro disco solo do violonista João Camarero.

Share on Facebook0Share on Google+0Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn0Print this pageEmail
Divulgação
Violão é um instrumento que se renova a cada geração, e agora também o violão de 7 cordas

“Se há um instrumento que se renova a cada geração que surge, é o violão, e agora também o violão de 7 cordas”. A afirmação é da jornalista e musicóloga Maria Luiza Kfouri, que, em sua segunda participação como colunista da Rádio USP, destaca a figura do jovem violonista João Camarero,  de apenas 25 anos, mas que trata o violão, principalmente o violão de sete cordas, com a experiência e a competência dos veteranos. Natural de Ribeirão Preto, mas criado em Avaré, o instrumentista está atualmente radicado no Rio de Janeiro, onde, segundo Kfouri, foi muito bem acolhido pela nata do choro carioca.

Ainda segundo ela, João Camarero tem marcado presença nas fichas técnicas de grandes discos lançados nos últimos cinco anos, no Brasil. A boa notícia é que ele está lançando seu primeiro disco solo, no qual não apenas executa o tempo todo solos com o violão de sete cordas, como também passeia por clássicos brasileiros desse instrumento.

Nas palavras da jornalista e musicóloga, trata-se de um belíssimo disco, do qual ela destaca a faixa “Do João pra Pernambuco”, composição de outro exímio violonista: João Lyra. Hora de ouvir.

logo_radiousp

 

Share on Facebook0Share on Google+0Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn0Print this pageEmail

Textos relacionados