Reitora inaugura reformas na FOB e recebe título de cidadã bauruense

Compartilhar no FacebookCompartilhar no Google+Tweet about this on TwitterImprimir esta páginaEnviar por e-mail

A reitora Suely Vilela e a vereadora Chiara Ranieri Basseto, na cerimônia que concedeu o título de cidadã-baurense à dirigente da Universidade (Crédito da foto: Ernani Coimbra)

A cidade de Bauru recebeu na sexta-feira, 13 de novembro, a reitora da Universidade de São Paulo, Suely Vilela, em dois eventos relevantes. Inicialmente, foram anunciadas diversas melhorias no campus da USP, em diferentes instalações da Faculdade de Odontologia (FOB). À noite, na Câmara Municipal da cidade, Suely Vilela foi agraciada com o título de cidadã bauruense.

“A Faculdade de Odontologia da Universidade de São Paulo no campus de Bauru celebra a inauguração de obras importantes para a sua comunidade. Estas, certamente, se refletem em benefícios para a Universidade e, em conseqüência, para a sociedade desta cidade”, destacou Suely em seu pronunciamento.

Frutos de investimentos de monta, as melhorias se fizeram na sala de treinamento do Serviço de Biblioteca e Documentação, em setores de manutenção interna e zeladoria, nas estruturas físicas dos Departamentos de Dentística, de Farmacologia e de Bioquímica, nas instalações físicas dos laboratórios de Dentística e de Prótese e, ainda, na sala de espera da Clínica de Odontopediatria, que passou a se chamar “Professor Doutor Aymar Pavarini”, uma homenagem ao ex-diretor da FOB.

Compondo um discurso incisivo, o diretor da FOB, Luiz Fernando Pegoraro, frisou que o desgaste natural dos prédios e o surgimento de novos equipamentos e novas tecnologias de ensino “obrigam-nos a readequar nossas clínicas, salas de aula e laboratórios”. Assim, assegura, “a nossa alegria é muito grande quando conseguimos realizar reformas ou obras que possam agregar algo mais ao ensino de graduação, de pós-graduação, na pesquisa e nas atividades de extensão”.

“Qual é o principal desejo ou objetivo de qualquer dirigente de uma Unidade ou de uma Universidade?”, indagou Luiz Fernando Pegoraro durante o evento. Segundo o diretor da FOB, entregar a Unidade ou a Universidade a seu sucessor em melhores condições do que recebeu quatro anos antes, em todos os níveis. “A senhora conseguiu realizar esse intento, e muito bem”, disse Pegoraro dirigindo-se à reitora.

Falaram também na cerimônia de inauguração de reformas e melhorias na FOB, o coordenador do Campus, Ruy Cesar Camargo Abdo, e o superintendente

em exercício do Hospital de Reabilitação de Anomalias Craniofaciais (Centrinho), João Henrique Nogueira Pinto.

Cidadã bauruense

 

À noite, na Câmara dos Vereadores, houve a concessão do título de cidadã bauruense à reitora Suely Vilela, uma iniciativa da vereadora Chiara Ranieri Basseto. Entre os diversos pontos que destacou em sua fala, Vilela não poupou palavras de grande admiração à atuação da FOB e do Centrinho junto à comunidade de Bauru.

 

“Considero que a USP, em Bauru, se constitui em polo irradiador de cultura e de conhecimento. Com vocação para a área de Saúde, conduz ao desenvolvimento da região, em particular, e por extensão, do Estado de São Paulo, nessa área”, discursou Suely.

 

A reitora da USP avaliou que estar entre as 150 melhores instituições de ensino superior do mundo, de acordo com o ranking da Shanghai Jiao Tong University de 2009, exige dedicação e comprometimento de toda a comunidade da Universidade, “que se une em um mesmo propósito em todos os seus campi: buscar permanentemente a excelência nas atividades de ensino, pesquisa e extensão universitária”.

Após assumir o compromisso de honrar o nome da sociedade que a distinguia nesta cerimônia, Vilela reiterou aos vereadores da Câmara Municipal de Bauru a importância que atribui de a terem adotado como um dos filhos da cidade.

Compartilhar no FacebookCompartilhar no Google+Tweet about this on TwitterImprimir esta páginaEnviar por e-mail