Fungos melhoram crescimento e produção em plantas de feijão e morango

Os “fungos do bem” foram o tema da entrevista desta semana em Os Novos Cientistas, com a pesquisadora Fernanda Canassa, da Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz (Esalq) de Piracicaba

jorusp

Uma pesquisa realizada na Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz (Esalq) da USP, em Piracicaba, avaliou a ação de fungos no controle de pragas em plantas de feijão e morango. “Podemos chamá-los ‘fungos do bem’!”, observou a pesquisadora Fernanda Canassa, que foi a entrevistada de Os Novos Cientistas desta quinta-feira (27).

Sob a orientação do professor Ítalo Delalibera Júnior, do Departamento de Entomologia e Acarologia da Esalq, Fernanda realizou seus estudos na USP, em Piracicaba e na Universidade de Copenhague, na Dinamarca. “Estudamos o uso de fungos como causadores de doenças em insetos e ácaros”, contou a pesquisadora. O trabalho, segundo ela, avaliou o potencial de fungos, sobretudo contra o ácaro rajado, seus efeitos na promoção de crescimento de plantas de feijão e morango e em outros ácaros predadores. “Estudei um novo método de aplicação. Geralmente o fungo é pulverizado sobre a praga, mas, nesse método que utilizamos, avaliamos a inoculação de sementes de feijão e de raízes de planta de morango em suspensões desses fungos”, explicou Fernanda.

A pesquisa selecionou dois isolados de fungos para a condução de experimentos na Universidade de Copenhague, onde os efeitos em sementes de feijão foram estudados. Na Esalq, outros dois isolados de fungos foram selecionados e testados em quatro áreas de produção comercial de morangueiro, avaliando os efeitos em pragas, inimigos naturais e doenças de plantas em campo.

“Os resultados mostraram redução significativa na população do ácaro rajado e aumento no desenvolvimento das plantas nas duas culturas. A produção de vagens em plantas de feijão e de frutos de morango foram superiores nas plantas que passaram pelo processo de inoculação em relação às demais”, disse a autora.

O podcast Os Novos Cientistas vai ao ar toda quinta-feira, às 8 horas, dentro do Jornal da USP no Ar, que é apresentado diariamente pela jornalista Roxane Ré, das 7h30 às 9h30, na Rádio USP FM (93,7 MHz).

[sc name=”jornal-da-usp-no-ar-rodape”

Política de uso 
A reprodução de matérias e fotografias é livre mediante a citação do Jornal da USP e do autor. No caso dos arquivos de áudio, deverão constar dos créditos a Rádio USP e, em sendo explicitados, os autores. Para uso de arquivos de vídeo, esses créditos deverão mencionar a TV USP e, caso estejam explicitados, os autores. Fotos devem ser creditadas como USP Imagens e o nome do fotógrafo.


  •  
  •  
  •  
  •  
  •