“Encantar na fronteira do conhecimento” é a nova mostra no Centro Maria Antonia

A iniciativa é do Instituto de Estudos Avançados da USP e do Centro de Pesquisa Interdisciplinar (ZIF) da Universidade de Bielefeld

 Publicado: 03/08/2022

Qual é o papel da arte em uma universidade no Brasil? – questiona o professor Martin Grossmann em sua coluna Na Cultura, o Centro Está Em Toda Parte, na Rádio USP. “A arte adentra a Universidade de São Paulo nos anos 60, seja pela criação do seu Museu de Arte Contemporânea e também com a criação da Escola de Comunicações e Artes em 1966”, completa Grossmann. 

O professor traça o cenário das artes na USP e no País. E convida a todos para ver uma mostra muito especial, Encantar na fronteira do conhecimento, da artista suíça Sandra Boeschenstein a ser inaugurada no próximo dia 6 de agosto no Centro Maria Antonia da USP (rua Maria Antônia, 258, Vila Buarque – São Paulo). “Esta exposição individual resulta de uma convivência em diferentes institutos de estudos avançados na Alemanha e agora é apresentada no Instituto de Estudos Avançados da USP em parceria com o Centro Maria Antonia.” 

Encantar na fronteira do conhecimento tem a curadoria de Martin Grossmann, do IEA, e Britta Padberg, do Centro de Pesquisa Interdisciplinar (ZIF) da Universidade de Bielefeld. “É uma exposição que não é fruto das especificidades das artes visuais, seja de uma escola ou de um museu de arte contemporânea, mas da interação da arte com a ciência e um ambiente interdisciplinar”, observa Grossmann. “A artista explora a linguagem do desenho de forma inusitada em modo expandido causando estranhamentos e questionamentos por parte do público.”

Sandra Boeschenstein é uma artista visual que vive e trabalha em Zurique, na Suíça. Por um ano, estudou Filosofia e História da Arte na Universidade de Zurique, formando-se como artista na Universidade de Artes de Berna em 1995. A sua proposta é buscar conhecimento e explorar a interação entre percepção e pensamento.

Através do desenho, ela se propõe a buscar conhecimento e explorar a interação entre percepção e pensamento, explorando a fronteira entre tangível e intangível, entre imagem e linguagem, e entre informação e poesia. Ao longo dos últimos anos, tem expandido seu desenho em papel para desenhos em paredes, nos quais dispõe objetos reais que se relacionam com as imagens e linhas no espaço.

“Vale a pena conferir”, convida o colunista. “A mostra tem entrada gratuita e fica até 20 de novembro, de terça a domingos e feriados, das 10 às 18 horas.”


Na Cultura, o Centro está em Toda Parte
A coluna Na Cultura o Centro está em Toda Parte, com o professor Martin Grossmann, vai ao ar toda quarta-feira às 9h30, na Rádio USP (São Paulo 93,7 FM; Ribeirão Preto 107,9 FM) e também no Youtube, com produção do Jornal da USP e TV USP.

.

.


Política de uso 
A reprodução de matérias e fotografias é livre mediante a citação do Jornal da USP e do autor. No caso dos arquivos de áudio, deverão constar dos créditos a Rádio USP e, em sendo explicitados, os autores. Para uso de arquivos de vídeo, esses créditos deverão mencionar a TV USP e, caso estejam explicitados, os autores. Fotos devem ser creditadas como USP Imagens e o nome do fotógrafo.