Palavra da Semana #49: Amazônia, a maior biodiversidade do planeta

Em comemoração ao aniversário de um ano do Palavra da Semana, a professora Deise Sabbag convida os ouvintes a entenderem a palavra Amazônia dentro de um movimento histórico e social

Palavra da Semana - USP
Palavra da Semana - USP
Palavra da Semana #49: Amazônia, a maior biodiversidade do planeta
/

Palavra da Semana, um dos termos mais pesquisados e compartilhados na web, é Amazônia, em evidência por conta do desaparecimento do jornalista Dom Phillips e do indigenista Bruno Pereira e, também, pelo Dia Mundial do Meio Ambiente, comemorado em 5 de junho. Amazônia vem do grego amazonas, e, na mitologia grega representa guerreiras que retiravam um dos seios para manejarem melhor o arco e a flecha. A Amazônia é um conjunto de ecossistemas que compreendem o rio Amazonas e a floresta amazônica; é a maior biodiversidade do planeta. Presente em nove países da América do Sul, a floresta amazônica, está ameaçada pela intervenção humana, pelo uso da alta tecnologia, pela violência, pelo desmatamento e mineração. A Amazônia Legal, constituída pelos biomas Amazônia, Cerrado e parte do Pantanal mato-grossense, foi criada pelo governo brasileiro como forma de planejar e promover o desenvolvimento social e econômico dos Estados que compreendem a região amazônica no Brasil. Em comemoração ao aniversário de um ano do Palavra da Semana, a professora Deise Sabbag convida os ouvintes a entenderem a Amazônia dentro de um corpo social, não apenas como a maior floresta tropical do Brasil, mas entender a palavra dentro do movimento histórico e social. 


Palavra da Semana
Produção e apresentação: Professora Deise Maria Antonio Sabbag -
Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Ribeirão Preto (FFCLRP) 
Coprodução e Edição: Rádio USP Ribeirão 
Coordenação: Rosemeire Talamone
Estagiária: Brenda Marchiori
Vai ao ar às sextas-feiras

 


Política de uso 
A reprodução de matérias e fotografias é livre mediante a citação do Jornal da USP e do autor. No caso dos arquivos de áudio, deverão constar dos créditos a Rádio USP e, em sendo explicitados, os autores. Para uso de arquivos de vídeo, esses créditos deverão mencionar a TV USP e, caso estejam explicitados, os autores. Fotos devem ser creditadas como USP Imagens e o nome do fotógrafo.