Brasil Latino: América Latina e a produção acadêmica comparada

A edição marca o início da apresentação de pesquisas e teses realizadas no Programa de Pós-Graduação em Integração da América Latina da USP

Jornal da USP
Jornal da USP
Brasil Latino: América Latina e a produção acadêmica comparada
/

Programas de transferência de renda e os modelos econômicos adotados no Brasil e na Argentina são temas do primeiro programa do Brasil Latino dedicado à produção acadêmica do Programa de Pós-Graduação em Integração da América Latina (Prolam) da USP. Nas próximas edições do Brasil Latino, serão divulgados dois projetos de pesquisa ou teses a partir da metodologia comparada de experiências envolvendo sempre dois países. Segundo o coordenador do Prolam, Júlio Suzuki, “a divulgação da produção acadêmica é essencial para valorizar o esforço de alunos e orientadores e, principalmente, para mostrar a qualidade do que é feito em benefício da sociedade”.

Neste primeiro programa, a professora de Relações Internacionais Fabiana de Oliveira apresenta sua tese de doutorado que faz uma comparação entre os programas de transferência de renda Bolsa Família, do Brasil, e Asignación Universal por Hijo, da Argentina. Ela fala do auge e da crise dessas iniciativas e pergunta para qual sociedade tais programas são desenvolvidos.

Já o professor de Jornalismo e Relações Internacionais Guilherme Meireles fala de sua pesquisa de mestrado que compara os modelos econômicos adotados por governos neoliberais na Argentina e no Brasil. Para ele, as consequências sociais dessa opção resultante do chamado “Consenso de Washington” agravaram ainda mais a desigualdade na América Latina.


Brasil Latino

O Brasil Latino vai ao ar toda segunda-feira, às 17h, pela Rádio USP FM 93,7Mhz (São Paulo) e Rádio USP FM 107,9 (Ribeirão Preto). As edições do programa estão disponibilizadas nos podcasts do Jornal da USP (jornal.usp.br) e nos agregadores de áudio como Spotify, iTunes e Deezer.

. 


Política de uso 
A reprodução de matérias e fotografias é livre mediante a citação do Jornal da USP e do autor. No caso dos arquivos de áudio, deverão constar dos créditos a Rádio USP e, em sendo explicitados, os autores. Para uso de arquivos de vídeo, esses créditos deverão mencionar a TV USP e, caso estejam explicitados, os autores. Fotos devem ser creditadas como USP Imagens e o nome do fotógrafo.