USP segue entre as dez melhores universidades do Brics

Na 10ª posição, a USP é a única universidade brasileira entre as dez primeiras classificadas no QS University Ranking Brics, publicado no dia 19 de julho pela organização britânica de pesquisa em educação Quacquarelli Symonds.

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Na 10ª posição, a USP é a única universidade brasileira entre as dez primeiras classificadas no QS University Ranking Brics, publicado no dia 19 de julho pela organização britânica de pesquisa em educação Quacquarelli Symonds. A China lidera a lista, com sete universidades entre as dez primeiras.

O ranking classifica as 250 melhores universidades dos países que compõem o Brics (Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul), utilizando oito indicadores: reputação acadêmica, reputação entre empregadores, proporção entre professores e estudantes, percentual de professores com doutorado, publicações por professor, citações em artigos científicos, quantidade de professores e estudantes estrangeiros.

Considerando-se apenas o desempenho em alguns indicadores, a USP foi a 3ª melhor classificada no indicador reputação acadêmica, a 5ª melhor em reputação entre os empregadores e a 7ª melhor em percentual de professores com doutorado.

O Brasil tem outras seis universidades entre as 50 melhores do ranking: a Universidade Estadual de Campinas (Unicamp) ficou na 12ª posição; a Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), na 29ª; a Universidade Estadual Paulista “Júlio de Mesquita Filho” (Unesp) ficou em 36º lugar; a Universidade Federal de São Paulo (Unifesp), em 45º; e a Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (PUC-RJ) e a Universidade Federal de Rio Grande do Sul (UFGRS) dividem a 46ª posição.

Quacquarelli Symonds

Publicado desde 2013, o QS University Ranking Brics é uma variação do QS World University – que avalia mais de 3 mil universidades do mundo e no qual a USP ocupa a 143ª posição. No QS Latin America, publicado em junho, a Universidade ocupa a primeira posição.

Em outro ranking da organização – o QS Rankings by Subject, publicado em março –, a USP ficou entre as 50 melhores do mundo em 6 das 42 áreas de concentração avaliadas: Odontologia (9ª posição); Agricultura e Silvicultura (26ª); Antropologia (34ª); Engenharia de Minérios e Minas (36ª); Ciência Veterinária (36ª); e Arquitetura (37ª).

Confira as dez primeiras colocadas no QS University Ranking Brics:

[table id=84 /]
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Textos relacionados