Reitor e dirigentes visitam as instalações da Biblioteca Brasiliana Mindlin

A BBM sediará as atividades do programa USP Pensa Brasil, que acontecerá no final do mês de agosto

 28/04/2022 - Publicado há 7 meses  Atualizado: 04/05/2022 as 19:08
Por

O diretor da BBM, Alexandre Macchione Saes (centro), acompanhou o reitor Carlos Gilberto Carlotti Junior (à direita), a vice-reitora Maria Arminda do Nascimento Arruda e os dirigentes na visita – Foto: Jorge Maruta/USP Imagens

O reitor Carlos Gilberto Carlotti Junior e dirigentes da Reitoria visitaram nesta terça-feira, dia 26 de abril, as instalações da Biblioteca Brasiliana Guita e José Mindlin (BBM), órgão ligado à Pró-Reitoria de Cultura e Extensão Universitária (PRCEU).

Considerada um dos mais importantes acervos de livros e manuscritos sobre o Brasil, a BBM abriga cerca de 32 mil títulos que compõem a coleção reunida pelo bibliófilo José Mindlin e sua esposa Guita ao longo de mais de 80 anos. O conjunto é constituído por obras de literatura, história, relatos de viajantes, manuscritos históricos e literários, periódicos, mapas, livros científicos e didáticos, iconografia e livros de artistas.

“O que torna a BBM tão especial entre as brasilianas são as raridades colecionadas pelo Mindlin. Ele tinha uma grande capacidade de localizar livros raros, livros em suas primeiras edições, manuscritos e provas revisadas pelos próprios autores. Temos, por exemplo, a edição revisada por Graciliano Ramos em que ele muda o título da obra de Mundo coberto de penas para Vidas secas”, explicou o diretor da BBM, Alexandre Macchione Saes, que acompanhou os dirigentes na visita.

Aberta ao público em 2013, a BBM tem o compromisso de abrigar e conservar a coleção doada pelo casal Mindlin, digitalizar e disponibilizar o acervo para consulta e incentivar pesquisas sobre o Brasil.

Anterior
Próximo
USP PENSA BRASIL

Aproveitando a visita, a vice-reitora Maria Arminda do Nascimento Arruda apresentou o programa USP Pensa Brasil, que está sendo elaborado pela Vice-Reitoria e promoverá, anualmente, uma semana de atividades, workshops e conferências dedicadas à discussão da agenda pública nacional.

“Uma das razões centrais do programa é estabelecer um compromisso público com o debate político brasileiro. As universidades brasileiras têm a missão de pensar as grandes questões do País e temos que fortalecer nosso papel de interlocutora no desenvolvimento da sociedade brasileira”, explicou Maria Arminda.

O programa abordará os temas: Como pensar o Brasil do século XXI; Estado mínimo, precarização e desigualdade no Brasil; Antropoceno e o novo paradigma ambiental brasileiro; Impasses da democracia brasileira; e Impasses da cultura moderna no Brasil.

A primeira semana USP Pensa Brasil deverá acontecer entre os dias 29 de agosto e 2 de setembro, no espaço da Biblioteca Brasiliana Mindlin, e contará a participação de grandes especialistas nos temas e também de jovens pesquisadores.

A Biblioteca Brasiliana Guita e José Mindlin está localizada na Rua da Biblioteca, 21, Cidade Universitária, na capital paulista. Os horários de funcionamento são: de segunda a sexta-feira, das 8h30 às 18h30, e aos sábados das 9h às 13h.


Política de uso 
A reprodução de matérias e fotografias é livre mediante a citação do Jornal da USP e do autor. No caso dos arquivos de áudio, deverão constar dos créditos a Rádio USP e, em sendo explicitados, os autores. Para uso de arquivos de vídeo, esses créditos deverão mencionar a TV USP e, caso estejam explicitados, os autores. Fotos devem ser creditadas como USP Imagens e o nome do fotógrafo.