Congresso de Graduação discute a atividade docente na Universidade

O Congresso reúne docentes, alunos de pós-doutorado e bolsistas do Programa de Aperfeiçoamento de Ensino (PAE)

Compartilhar no FacebookCompartilhar no Google+Tweet about this on TwitterImprimir esta páginaEnviar por e-mail

Com o tema “Boas ideias devem ser compartilhadas”, a Pró-Reitoria de Graduação retoma a proposta central estabelecida desde a concepção do Congresso: compartilhar experiências e inovações no ensino de Graduação da Universidade.

A programação do Congresso incluiu palestras, oficinas, mesas-redondas, apresentação oral de 138 trabalhos e em pôsteres de 210 trabalhos (Foto: Marcos Santos/USP Imagens)

Nessa terceira edição – promovida entre os dias 4 e 6 de julho, no auditório do Centro de Difusão Internacional da USP –, os assuntos abordados são variados, abrangendo desde o uso de metodologias ativas de ensino-aprendizagem e de novas tecnologias como recurso didático, até a formação de professores e a reformulação curricular. Voltado principalmente para docentes, pós-graduandos, pós-doutorandos e bolsistas de estágio do Programa de Aperfeiçoamento de Ensino (PAE), o Congresso de Graduação da USP consolida-se como grande fórum de discussão e atrai cada vez mais participantes.

“A Graduação está no nosso dia a dia, é o cerne da nossa instituição. Temos orgulho de ser uma Universidade de pesquisa, pois isso significa que não apenas repetimos o conhecimento, nós também o desenvolvemos, junto com nossos alunos. Por isso somos capazes de formar profissionais diferenciados, profissionais que serão líderes e que farão a diferença na sociedade”, afirmou o vice-reitor Vahan Agopyan durante a cerimônia de abertura do Congresso.

Para o pró-reitor de Graduação, Antonio Carlos Hernandes, “uma questão frequentemente discutida é o engajamento institucional da Universidade na Graduação, mas é evidente que sempre que programamos algo relacionado à Graduação, a resposta do corpo docente é muito positiva. Isso mostra que os professores estão interessados em mudar essa situação e aprimorar cada vez mais nossa capacidade de formar profissionais”.

“O Congresso de Graduação é uma iniciativa que foi pensada pela Pró-Reitoria de Graduação a partir da percepção de que faltava um espaço para debater e avaliar o ensino de graduação na USP. Desde a primeira edição, pudemos observar um crescente interesse pelo Congresso, tanto no número de participantes inscritos como no número de trabalhos submetidos”, explica a coordenadora do evento, Regina Melo Silveira.

O pró-reitor adjunto de Graduação, Gerson Yukio Tomanari, também ressaltou que “a evolução do interesse dos colegas no Congresso e em outras iniciativas da Pró-Reitoria mostra que, embora possa ser tida como desvalorizada na Universidade, a Graduação sempre mostra sua força quando tem a oportunidade”.

Congresso de Graduação

Idealizado como um espaço para permitir a integração de docentes e o compartilhamento de práticas de ensino e experiências pedagógicas para valorizar e modernizar o ensino, o Congresso de Graduação aconteceu pela primeira vez entre os dias 25 e 27 de maio de 2015, no Centro de Convenções Rebouças, e reuniu mais de mil participantes.

A segunda edição foi realizada no ano seguinte, entre os dias 5 e 6 de junho, no campus “Luiz de Queiroz”, em Piracicaba, e, além das palestras, mesas-redondas e apresentações, também foi marcada pelo lançamento da Revista Grad+, publicação da Pró-Reitoria de Graduação criada para discutir exclusivamente questões voltadas ao ensino nas universidades.

“A Revista Grad+ é um dos principais resultados práticos do Congresso de Graduação. A ideia de uma revista voltada para professores do ensino superior surgiu já no primeiro Congresso e seu lançamento aconteceu na segunda edição do evento. Composta por artigos e relatos de docentes, a revista consolidou-se rapidamente e já está em seu quarto número. Ela segue a mesma concepção do Congresso de Graduação, mostrando que há um grande interesse por esse assunto”, explica Hernandes.

Programa de Aperfeiçoamento de Ensino (PAE)

A abertura do Workshop PAE 2017 contou com a presença do pró-reitor de Pós-Graduação, Carlos Gilberto Carlotti Jr., do vice-reitor Vahan Agopyan e do pró-reitor de Graduação, Antonio Carlos Hernandes (Foto: Pró-Reitoria de Pós-Graduação)

Uma das novidades dessa terceira edição do Congresso foi a incorporação do Workshop PAE 2017, iniciativa da Pró-Reitoria de Pós-Graduação para debater o aperfeiçoamento do ensino nas universidades e compartilhar as experiências vividas pelos estagiários do Programa de Aperfeiçoamento de Ensino (PAE).

Segundo Hernandes, “a proposta da Pró-Reitoria de Pós-Graduação de trazer o Workshop PAE foi muito importante, pois permitiu aproximar aquilo que é comum às duas iniciativas. É uma oportunidade para que os bolsistas de estágio do PAE conheçam um pouco mais do trabalho feito pelos docentes da Universidade”.

Realizado no primeiro dia do Congresso de Graduação, em 4 de julho, o Workshop PAE 2017 promoveu a mesa-redonda “Programa de Aperfeiçoamento do Ensino: Avanços e Perspectivas”, além de apresentações orais.

Compartilhar no FacebookCompartilhar no Google+Tweet about this on TwitterImprimir esta páginaEnviar por e-mail

Textos relacionados