Para embaixador, comércio exterior se fortalece no governo Temer

Os empresários terão um interlocutor com peso político para discutir as matérias relativas ao comércio exterior, diz Rubens Barbosa

Palácio do Itamaraty (sede Ministério das Relações Exteriores), em Brasília - Foto: Xenia Antunes/Wikimedia Commons
Palácio do Itamaraty (sede Ministério das Relações Exteriores), em Brasília – Foto: Xenia Antunes/Wikimedia Commons

Em sua coluna semanal para a Rádio USP, o embaixador Rubens Barbosa avalia a situação do comércio exterior no governo interino de Michel Temer. Ele elogia a decisão tomada pelo atual presidente de transferir para o Itamaraty tanto a agência de promoção comercial (Apex) quanto o colegiado que dirige o comércio exterior (Camex).

Na visão do embaixador, a iniciativa é importante, na medida em que vai revigorar o comércio exterior no contexto da política econômica, além de contribuir para facilitar a vida dos empresários, que terão um interlocutor com peso político para discutir as matérias relativas ao comércio externo.

Rubens Barbosa avalia ainda que deverá haver uma coordenação maior na área da promoção comercial, porque a Apex tem recursos e o Itamaraty tem infraestrutura. Também a Camex deverá ganhar com essa transferência para o Itamaraty.

Na prática, realça o embaixador, o Itamaraty terá um papel importante, como nunca antes, na definição da reformulação das políticas de comércio exterior.

.

Política de uso 
A reprodução de matérias e fotografias é livre mediante a citação do Jornal da USP e do autor. No caso dos arquivos de áudio, deverão constar dos créditos a Rádio USP e, em sendo explicitados, os autores. Para uso de arquivos de vídeo, esses créditos deverão mencionar a TV USP e, caso estejam explicitados, os autores. Fotos devem ser creditadas como USP Imagens e o nome do fotógrafo.


  •  
  •  
  •  
  •  
  •