O que as estrelas têm a ver com a formação dos planetas?

Material que forma os planetas se originou de nuvens de gás no meio interestelar que, por sua vez, adquiriram sua matéria-prima de uma geração anterior de estrelas que explodiram

Nesta edição de Entender Estrelas, João Steiner conta como acontece a formação de planetas e o que as estrelas têm a ver com isso. O astrofísico explica que as estrelas se formam a partir de grandes nuvens de gás que se contraem por autogravidade, ou seja, a própria massa da nuvem de gás faz com que ela se contraia sobre si mesma.

Conforme ocorre a condensação no centro da nuvem, forma-se um disco de gás, que se contrai até formar a estrela. Parte desse disco que não é capturada no processo de formação da estrela aos poucos vai se aglutinando em pontos que acabam se transformando em planetas.

Os  pontos de aglutinação mais próximos da estrela mãe têm o gás evaporado e se tornam planetas rochosos, como Marte e a própria Terra. Outros objetos mais distantes são capazes de manter o hidrogênio, constituindo-se em planetas gasosos, como Júpiter e Saturno.

Ouça detalhes com o professor do Instituto de Astronomia, Geofísica e Ciências Atmosféricas (IAG) da USP clicando no player acima.

.

.


Política de uso 
A reprodução de matérias e fotografias é livre mediante a citação do Jornal da USP e do autor. No caso dos arquivos de áudio, deverão constar dos créditos a Rádio USP e, em sendo explicitados, os autores. Para uso de arquivos de vídeo, esses créditos deverão mencionar a TV USP e, caso estejam explicitados, os autores. Fotos devem ser creditadas como USP Imagens e o nome do fotógrafo.