“Nem sempre apagar seus dados pessoais é sair das redes sociais”, afirma colunista

Para que seus dados pessoais não sejam divulgados é preciso sair permanentemente das redes sociais

Steve Wozniak, cofundador da Apple, proprietária do iPhone, iPad, entre outros, abandonou em 2018 o Facebook alegando que os dados pessoais de milhões de pessoas estavam abertos para utilização de outras empresas. Em depoimento Wozniak afirma que acha inconcebível as empresas utilizarem os dados das pessoas sem ao menos perguntarem se elas querem ou gostariam de vender ou doar seus dados.

O professor Glauco Arbix comenta que apagar a conta das redes sociais nem sempre adianta. “É preciso apagá-la de modo permanente. Há várias formas de burlar a situação. O Facebook, por exemplo, continua retendo seus dados mesmo depois de você apagar sua conta. Eles só eliminam os dados após você terminar sua conta de modo permanente”, aconselha.

Ouça no link acima a íntegra da coluna Observatório da Inovação.


Observatório da Inovação
A coluna Observatório da Inovação, com o professor Glauco Arbix, vai ao ar toda segunda-feira às 10h50, na Rádio USP (São Paulo 93,7 FM; Ribeirão Preto 107,9 FM) e também no Youtube, com produção do Jornal da USP e TV USP.

.

Política de uso 
A reprodução de matérias e fotografias é livre mediante a citação do Jornal da USP e do autor. No caso dos arquivos de áudio, deverão constar dos créditos a Rádio USP e, em sendo explicitados, os autores. Para uso de arquivos de vídeo, esses créditos deverão mencionar a TV USP e, caso estejam explicitados, os autores. Fotos devem ser creditadas como USP Imagens e o nome do fotógrafo.


  •  
  •  
  •  
  •  
  •