USP discute cooperação técnica com Incra e Secretaria do Trabalho

Parceria deve resultar em projetos para auxiliar o governo na tomada de decisões no âmbito da reforma agrária e da agricultura familiar

Por - Editorias: Universidade
Share on Facebook0Share on Google+0Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn0Print this pageEmail
20161130_Esalq_Incra
Reunião discutiu termo de cooperação técnica entre a Esalq, Incra e a Secretaria do Trabalho – Foto: Danilo Corniani

Na manhã de segunda-feira, 28 de novembro, o diretor da Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz (Esalq) da USP, Luiz Gustavo Nussio, recebeu a visita do Secretário do Emprego e Relações do Trabalho do Estado de São Paulo, José Luiz Ribeiro, e de membros do Instituto Nacional de Colonização da Reforma Agrária (Incra), entre eles, Leonardo Góes, presidente do instituto. O objetivo da reunião foi estreitar relações entre um plano de trabalho em pesquisas e educação no campo.

A reunião discutiu uma parceria ampla, um termo de cooperação técnica entre a Esalq, Incra e a Secretaria do Trabalho, que vai derivar em vários projetos, como de dedicação da escola em auxiliar o governo para tomada de decisões nas políticas públicas no âmbito da reforma agrária e da agricultura familiar. Entre os temas discutidos, os membros das instituições focaram na elevação da produtividade nas áreas de assentamento do País.

Ribeiro, que já havia visitado a Esalq no início do mês, destacou a importância da geração de emprego, renda e qualificação dos trabalhadores do campo. “Essa parceria é muito importante, porque quem vai ganhar com isso será o trabalhador do campo, o pequeno proprietário de terra, a família do trabalhador, a população. Com certeza, serão os alimentos que chegarão e a produção que irá aumentar. Então, a partir dessa reunião de hoje, a semente foi plantada e os frutos serão colhidos”, disse o secretário.

Essa parceria é muito importante, porque quem vai ganhar com isso será o trabalhador do campo, o pequeno proprietário de terra, a família do trabalhador, a população

O presidente do Incra destacou a importância dessa parceria entre as instituições. “A Esalq é referência mundial. É uma honra tê-la como braço acadêmico para ajudar o Incra e o governo federal nas políticas públicas do campo. Já partimos daqui para um encaminhamento, para que nossas áreas técnicas já comecem a discutir esse termo e, em breve, voltarmos aqui para assinar”, afirmou Góes.

Para o diretor da Esalq, a cooperação da escola fará com que ambos tenham ganhos muito grandes no estreitamento das relações. “A Esalq pode ajudar não só no estabelecimento de políticas, mas também no treinamento dessas pessoas na condição de campo onde estão”, finalizou Nussio.

Além do presidente do Incra e do secretário do Emprego e Relações do Trabalho do Estado de São Paulo, estiveram presentes Alexandre Pereira, superintendente Regional do Incra, e Jefferson Coriteac, secretário executivo adjunto da Secretaria Especial de Agricultura Familiar e do Desenvolvimento Agrário da Casa Civil.

Caio Nogueira / Divisão de Comunicação da Esalq

Share on Facebook0Share on Google+0Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn0Print this pageEmail

Textos relacionados