Em debate na USP, tecnologias têm implicações amplas a serem entendidas

“O risco do centro e da periferia se tornarem realidades antagônicas e absolutamente conflituosas e insustentáveis é maior se não houver uma democratização e uma compreensão do papel criativo que as tecnologias precisam ter”, avalia professor Gilson Schwartz

Compartilhar no FacebookCompartilhar no Google+Tweet about this on TwitterImprimir esta páginaEnviar por e-mail

cab_gilson

logo_radiousp790

.

Montagem sobre foto de Jim Makos/Flickr/CC
Montagem sobre foto de Jim Makos/Flickr/CC

Na primeira semana de novembro, a USP, em parceria com a Escola Britânica de Artes Criativas, realiza a Global Mil Week Unesco 2016, que nada mais é do que a primeira assembleia geral sobre o tema da alfabetização midiática e informacional. Em debate, as implicações políticas, econômicas, sociais e culturais da digitalização. E de como a cidadania e os direitos humanos são impensáveis no século 21 sem uma profunda reforma da maneira como se ensina.

Compartilhar no FacebookCompartilhar no Google+Tweet about this on TwitterImprimir esta páginaEnviar por e-mail

Textos relacionados