Conhece uma mulher cientista? Indique-a para o Prêmio Ester Sabino

Estão abertas as inscrições para a primeira edição do Prêmio Ester Sabino, que homenageia mulheres pesquisadoras no Estado de São Paulo

 Publicado: 12/01/2022
Por

“Para enfrentar os desafios do século 21, precisamos aproveitar todo o nosso potencial. Isto requer desmantelar estereótipos de gênero. Isto significa apoiar carreiras de mulheres cientistas e pesquisadoras.” Com essa fala, o secretário-geral da ONU, António Guterres, define uma das principais barreiras no alcance da equidade entre gêneros: a conquista de espaço pelas mulheres e meninas nas ciências.

Em resposta a esse desafio, a Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Ciência e Tecnologia do Estado de São Paulo criou o Prêmio Ester Sabino, que tem como objetivo valorizar pesquisadoras que contribuem para o desenvolvimento científico no Estado. A láurea irá premiar duas cientistas nas categorias Pesquisadora Sênior (acima de 35 anos) e Jovem Pesquisadora (até 35 anos). As candidatas podem ser indicadas até o dia 11 de fevereiro, através de um formulário on-line.

Ester Sabino – Montagem com foto: Banco de Imagens/USP

O prêmio, que será entregue no dia 11 de fevereiro de 2022, definido pela Assembleia Geral da ONU como o Dia Internacional das Mulheres e Meninas na Ciência, é uma homenagem à professora de Medicina da USP, Ester Cerdeira Sabino — médica, imunologista e ex-diretora do Instituto de Medicina Tropical da USP, que liderou o sequenciamento do genoma do coronavírus.

Qualquer pesquisadora do Estado de São Paulo pode ser indicada para a premiação. A escolha das candidatas será feita a partir da análise dos seguintes aspectos do currículo Lattes: Formação e experiência profissional; Produção acadêmica; Formação de recursos humanos qualificados e novas lideranças; Premiação nacional ou internacional; Relevância de contribuição acadêmica para a sociedade.

+ Mais

Pesquisadoras revelam os desafios das mulheres para fazer ciência

Na USP, as mulheres são maioria no desenvolvimento de pesquisa científica tanto na pós-graduação quanto no pós-doutorado. Mesmo assim, de acordo com estudo feito por pesquisadores da Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto, elas ainda precisam enfrentar desafios como a diferença de visibilidade nas suas produções, que são menos citadas que a de seus colegas do sexo masculino. 

 

Premiações

As indicações podem ser feitas até o dia 30/1, através do formulário on-line.

Serão premiadas duas mulheres cientistas, nas categorias:

  • Pesquisadora Sênior: direcionada para cientistas com idade acima de 35 (trinta e cinco) anos, com carreira nacional e internacional consolidada e com contribuições relevantes para o desenvolvimento científico e tecnológico do Estado;
  • Jovem Pesquisadora: direcionada para cientistas com idade até 35 (trinta e cinco) anos, com destacado potencial científico.

A premiação ocorrerá no dia 11 de fevereiro de 2022.

Mais informações sobre as inscrições em: www.desenvolvimentoeconomico.sp.gov.br/programas/premio-ester-sabino/


Política de uso 
A reprodução de matérias e fotografias é livre mediante a citação do Jornal da USP e do autor. No caso dos arquivos de áudio, deverão constar dos créditos a Rádio USP e, em sendo explicitados, os autores. Para uso de arquivos de vídeo, esses créditos deverão mencionar a TV USP e, caso estejam explicitados, os autores. Fotos devem ser creditadas como USP Imagens e o nome do fotógrafo.