USP Especiais #13 – Série Versatilidade das Teclas I – Lelo Nazário

Uma breve aventura alucinante pela trajetória de um dos mais inventivos e experimentais músicos brasileiros.

Por - Editorias: - URL Curta: jornal.usp.br/?p=322033

USP Especiais #13 – Série Versatilidade das Teclas I – Lelo Nazário
USP Especiais

 
 
00:00 / 57:48
 
1X
 

Versatilidade das Teclas é uma série de 4 programas que aborda pianistas e tecladistas especialmente originais dos anos 70 e 80. Suas contribuições para a pluralidade da música popular brasileira são tratadas por meio da pesquisa de Carlos Eduardo Samuel, do Grupo de Estudos Radiofônicos da ECA-USP.

No primeiro programa da série, Lelo Nazário é o destaque. Suas articulações variadas, que passam pela Música Concreta, Jazz Fusion, música de concerto, eletroacústica, gêneros tradicionais, entre outros, formam uma obra surpreendente.

Lelo, integrante do grupo que acompanhava Hermeto Pascoal nos anos 70, foi pioneiro de algumas experiências. Junto de seu irmão, o baterista e compositor Zé Eduardo Nazário, e o músico Luiz Roberto Oliveira, estreou o primeiro espetáculo de música contemporânea utilizando sintetizadores analógicos no Brasil, em 1976. Ele também integrou o antológico Grupo Um, que fazia músicas experimentais com base no repertório de cada um de seus componentes. Com o Grupo Um, Lelo participou daquele que é considerado o primeiro disco independente brasileiro de música instrumental: Marcha Sobre a Cidade, com tiragem inicial de 1000 cópias.

O programa toca músicas como Mavumvavumpefoco, do período em que acompanhava Hermeto Pascoal; músicas interpretadas pelo Grupo Um, como Reflexões sobre a Crise do Desejo e A Flor de Plástico Incinerada, com o Grupo Um; a eletroacústica Discurso aos Objetos; entre outras.

 

Créditos do programa

Direção, curadoria, montagem e edição: Carlos Eduardo Samuel

Supervisão: Ivan Vilela

.

.


Política de uso 
A reprodução de matérias e fotografias é livre mediante a citação do Jornal da USP e do autor. No caso dos arquivos de áudio, deverão constar dos créditos a Rádio USP e, em sendo explicitados, os autores. Para uso de arquivos de vídeo, esses créditos deverão mencionar a TV USP e, caso estejam explicitados, os autores. Fotos devem ser creditadas como USP Imagens e o nome do fotógrafo.