Maratonista finaliza prova em tempo recorde e impressiona o mundo

Prova foi realizada para quebrar marca estabelecida no ano de 2018

O queniano Eliud Kipchoge, de 34 anos, tornou-se a primeira pessoa a concluir uma maratona de 42 quilômetros em menos de duas horas. O feito foi em evento realizado no dia 12 de outubro, em Viena, na Áustria, e vem repercutindo no mundo inteiro, e também na Rádio USP, pelo professor Paulo Roberto Santiago.

Santiago explica que a marca não pode ser considerada um recorde mundial, “pois o evento foi elaborado justamente para alcançar tal meta”. Ainda assim, o detentor da atual melhor marca em maratonas é o próprio queniano, na Maratona de Berlin em 2018, com 2 horas, 1 minuto e 39 segundos.    

De acordo com o professor, “para atletas de alto nível até mesmo os milésimos de segundos podem determinar quem fica entre a primeira e a oitava posição”. Ainda de acordo com o professor, o resultado de Eliud Kipchoge abre uma série de possibilidades quanto aos limites do ser humano, que podem ser ultrapassados por meio da ciência e do esporte.

Ouça no link acima a íntegra da coluna Ciência e Esporte.


Ciência e Esporte
A coluna Ciência e Esporte, com o professor Paulo Santiago, vai ao ar toda sexta-feira às 10h00, na Rádio USP (São Paulo 93,7 FM; Ribeirão Preto 107,9 FM) e também no Youtube, com produção do Jornal da USP e TV USP.

.

Política de uso 
A reprodução de matérias e fotografias é livre mediante a citação do Jornal da USP e do autor. No caso dos arquivos de áudio, deverão constar dos créditos a Rádio USP e, em sendo explicitados, os autores. Para uso de arquivos de vídeo, esses créditos deverão mencionar a TV USP e, caso estejam explicitados, os autores. Fotos devem ser creditadas como USP Imagens e o nome do fotógrafo.


  •  
  •  
  •  
  •  
  •