Base da USP em Rondônia já atendeu mais de 38 mil pacientes

Referência no estado, o centro proporciona assistência médica gratuita à população

Compartilhar no FacebookCompartilhar no Google+Tweet about this on TwitterImprimir esta páginaEnviar por e-mail

A repórter do Jornal da USP Valéria Dias conversou com o médico Luís Marcelo Aranha Camargo, professor responsável pelo ICB5, como é conhecida a base que o Instituto de Ciências Biomédicas (ICB) da USP tem na cidade Monte Negro, em Rondônia.

 

Professor Marcelo Aranha Camargo, do ICB-5 Rondônia atendendo a paciente Maria dos Anjos Geronimo – Foto: Cecília Bastos/USP Imagem.

Desde 1997, a USP mantêm uma unidade avançada em Rondônia. É o ICB5, base do Instituto de Ciências Biomédicas (ICB) da USP em Monte Negro. O ICB5 é responsável por atividades de pesquisa, ensino e extensão no local e realiza um importante trabalho de atendimento em várias áreas da saúde. Somente nos últimos quatro ano, foram atendidos cerca de 38 mil pacientes.

Algumas salas do ICB5 estão sendo utilizadas pelo Projeto FOB USP em Rondônia, que ocorre na cidade entre os dias 23 de janeiro e 2 fevereiro. Alunos, professores e funcionários da Faculdade de Odontologia (FOB) da USP realizam atendimentos gratuitos em odontologia e fonoaudiologia. A iniciativa é realizada desde 2002.

Compartilhar no FacebookCompartilhar no Google+Tweet about this on TwitterImprimir esta páginaEnviar por e-mail

Textos relacionados