Comunicação pública deve prezar por independência

Segundo jornalista da rádio britânica BBC, servir ao interesse público é a maior retribuição à sociedade

Share on Facebook0Share on Google+0Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn0Print this pageEmail

O jornalista da BBC Américo Martins fala da relevância e do propósito esperado das empresas de comunicação públicas.

Martins enaltece o trabalho da Rádio USP e fala brevemente sobre o histórico da BBC. Como empresa sustentada por dinheiro público, o jornalista acredita que a empresa deve se dedicar a prestar o melhor serviço de comunicação para a sociedade. E Martins crê que a BBC foi e continua sendo bem-sucedida nesse sentido.

O jornalista destaca a operação que a rede inglesa coordenou quando do terremoto no Haiti, em 2010. Na ocasião, Martins lembra que em três dias a BBC montou uma rede de rádio para suprir a total ausência de comunicação do país arrasado.

O professor Mário Fanucchi, que foi diretor da Rádio USP e tem uma vasta experiência em radiojornalismo, também falou um pouco da história da BBC, elogiando a sua busca por uma comunicação independente e de qualidade.

O Jornal da USP, uma parceria do Instituto de Estudos Avançados, Faculdade de Medicina e Rádio USP, busca aprofundar temas nacionais e internacionais de maior repercussão e é veiculado de segunda a sexta-feira, das 7h30 às 9h30, com apresentação de Roxane Ré.

Você pode sintonizar a Rádio USP em São Paulo FM 93.7, em Ribeirão Preto FM 107.9, pela internet em www.jornal.usp.br ou pelo aplicativo no celular.

Share on Facebook0Share on Google+0Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn0Print this pageEmail

Textos relacionados