Evento na internet busca despertar interesse científico em jovens

Projeto Clubes de Ciência tem participação de pesquisadores da USP em palestras e oficinas que buscam inspirar futuras gerações de cientistas com o ensino de ciências de alta qualidade

Editorias: Universidade - URL Curta: jornal.usp.br/?p=345984
Foto: Freepik.com

.
Despertar o interesse científico em jovens, por meio de oficinas, palestras e mentorias gratuitas oferecidas por pesquisadores de universidades nacionais e internacionais de excelência é o objetivo do projeto Clubes de Ciência Brasil 2020, evento que acontecerá de 10 a 12 de outubro de forma on-line. Podem participar estudantes de ensino médio e superior (até o segundo ano da graduação), que devem se inscrever de 17 de agosto a 14 de setembro no site www.clubesdeciencia.com.br para concorrer a uma das 200 vagas nos clubes deste ano (o link de inscrição estará ativo no dia 17 de agosto).

O programa é desenvolvido por cientistas da Universidade de Harvard, localizada em Massachusetts (EUA), e tem a participação de pesquisadores da USP e de outras universidades brasileiras. Durante o evento, os estudantes são estimulados a desenvolver o pensamento crítico, a criatividade e a colaboração. Nesta edição, serão oferecidos 10 clubes, com 20 alunos em cada, nas áreas de ciência e tecnologia. Para os que não forem selecionados, haverá uma ampla cobertura nas redes sociais do projeto com participação aberta e transmissão ao vivo no Youtube do primeiro dia de evento. O segundo e o terceiro dias serão no formato de hackathon, sendo fechado somente para os selecionados.

Pela USP, alguns dos participantes convidados são Natália Pasternak, do Instituto de Biociências (IB), que falará sobre a área de comunicação científica; Ricardo Galvão, do Instituto de Física (IF), que vai abordar o negacionismo da ciência; e Lucas Fonseca, engenheiro espacial formado pela USP, que vai tratar do tema da ciência e da corrida espacial. As oficinas oferecidas são:

1 – A busca de vida no Universo: Astrobiologia
2 – Combatendo epidemias
3 – Descobrindo novos fármacos com ambiente virtual
4 – Entendendo a vida através da Genômica: SARS-CoV-2
5 – Detetives do passado: as lições da Paleontologia
6 – Neurociência e células-tronco: como criar um cérebro?
7 – Ciência e inovação: da bancada para o mercado
8 – C3PO: o pensamento computacional
9 – Bioengineering: vamos reconstruir tecidos humanos
10 – Arte e História: invenção e interpretação do passado

Para saber das atividades dos Clubes de Ciência, basta acompanhar as redes sociais Instagram (@clubesdeciênciabrasil), Twitter (@CdeCBrasil) e Facebook (Clubes de Ciência Brasil).

Sobre o Clubes de Ciência

O projeto foi fundado em 2014 por doutorandos mexicanos de Harvard e MIT com a missão de expandir o acesso ao ensino de ciências de alta qualidade, inspirar e mentorar as futuras gerações de pesquisadores através de uma rede de colaboração científica. Em um ano, o Clubes de Ciência expandiu para Colômbia e Bolívia, alcançando milhares de estudantes. Em 2017, como parte de sua expansão, o Clubes de Ciência chegou ao Brasil, tendo suas duas primeiras edições ocorrido em Belo Horizonte, na Universidade Federal de Minas Gerais. Em 2019, o projeto foi sediado na Universidade Federal do Rio de Janeiro. Em todos os anos houve participação de diferentes Estados e regiões do País. Neste ano, a dinâmica e metodologia do evento foram adaptadas para o ambiente on-line, o que deve favorecer a participação de estudantes de diferentes regiões do Brasil e do exterior.

Informações: clubesdeciencia.br@gmail.com

.
Com informações da Equipe Clubes de Ciência

.

.


Política de uso 
A reprodução de matérias e fotografias é livre mediante a citação do Jornal da USP e do autor. No caso dos arquivos de áudio, deverão constar dos créditos a Rádio USP e, em sendo explicitados, os autores. Para uso de arquivos de vídeo, esses créditos deverão mencionar a TV USP e, caso estejam explicitados, os autores. Fotos devem ser creditadas como USP Imagens e o nome do fotógrafo.