Incor seleciona fumantes para estudo de nova técnica contra tabagismo

É preciso ter entre 22 e 70 anos de idade, com consumo diário de dez ou mais cigarros

 04/10/2017 - Publicado há 4 anos
Foto: Marcos Santos/USP Imagens

.
Um novo tratamento para o tabagismo está em estudo no Instituto do Coração (Incor), ligado ao Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da USP (FMUSP). A técnica envolve estimulação magnética transcraniana profunda.

Para o desenvolvimento da pesquisa, o instituto procura voluntários homens e mulheres fumantes, entre 22 e 70 anos de idade, que tenham consumo diário de dez cigarros ou mais e que estejam saudáveis (com exceção daqueles que têm doença crônica controlada).

Pessoas com episódios de convulsões, crise epiléptica e dor de cabeça frequentes não podem se inscrever. Também não podem participar os interessados sob uso de medicação psicotrópica, terapia de reposição de nicotina, medicamento para auxílio da interrupção do fumo, abuso ou dependência de drogas.

Os voluntários são submetidos a avaliações de saúde, sem qualquer custo, e, quando submetidos a tratamentos, são acompanhados rotineiramente pela equipe de pesquisadores, formada por médicos, enfermeiros e demais especialistas multiprofissionais.

Os interessados devem enviar e-mail para secretaria.tabagismo@incor.usp.br ou informarem-se pelo telefone (11) 2661-5592, das 10 horas às 12h30 e das 14h30 às 17 horas, de segunda à sexta-feira.

Mais informações: site http://bit.ly/2xA0aHj


Política de uso 
A reprodução de matérias e fotografias é livre mediante a citação do Jornal da USP e do autor. No caso dos arquivos de áudio, deverão constar dos créditos a Rádio USP e, em sendo explicitados, os autores. Para uso de arquivos de vídeo, esses créditos deverão mencionar a TV USP e, caso estejam explicitados, os autores. Fotos devem ser creditadas como USP Imagens e o nome do fotógrafo.