Sistema desenvolvido pela USP possibilita identificação e controle de acesso

O sistema Hórus permite a utilização da própria carteirinha da USP ou do e-Card para acesso aos prédios

Editorias: Institucional - URL Curta: jornal.usp.br/?p=260711
O usuário pode ser identificado pelo QR Code gerado no e-Card – Foto Cecília Bastos/USP Imagem

Com o propósito de utilizar sistemas mais integrados e adaptados às necessidades específicas da Universidade, cada vez mais unidades da USP têm adotado o Hórus, o sistema para controle de acesso desenvolvido pela Superintendência de Tecnologia da Informação (STI).

O sistema faz a identificação do usuário e o controle do acesso em portões, catracas, torniquetes e cancelas da Universidade, utilizando a própria carteirinha da USP ou a sua versão virtual (e-Card).

“O Hórus comunica-se com os equipamentos de acesso para fornecer informações dos usuários cadastrados nas bases de dados da USP. O sistema também fornece uma interface para cadastramento de visitantes ou prestadores de serviço, que recebem cartões provisórios para acesso aos locais. Em unidades que possuem cancelas, há a possibilidade de cadastrar veículos, reduzindo o tempo de entrada, já que o sistema requer menos interação com as equipes de segurança”, explicou o diretor do Centro de Tecnologia da Informação Luiz de Queiroz (CeTI-LQ), Antonio Augusto Franco Garcia.

Prata da casa

Desenvolvido por analistas do CeTI-LQ, vinculado à Superintendência de Tecnologia da Informação, o sistema Hórus tem a vantagem de dispensar a obrigatoriedade do uso de softwares desenvolvidos por empresas de segurança externas, além de atender às particularidades das unidades e órgãos da USP.

“O grande diferencial do Sistema Hórus está na portabilidade de suas funcionalidades para quaisquer dispositivos físicos (portões, catracas, torniquetes e cancelas). Essa independência dos dispositivos físicos gera uma grande economia de escala e uma importante autonomia em relação às soluções externas, que são muito específicas e dependentes de tecnologias dos fornecedores”, afirmou o superintendente de Tecnologia da Informação, João Eduardo Ferreira.

Em operação desde 2014, o sistema foi inicialmente instalado em portas e catracas de setores da Prefeitura do Campus USP de Ribeirão Preto (PUSP-RP) e da Escola de Engenharia de São Carlos (EESC). Atualmente, são cerca de 60 pontos de acesso distribuídos também nas prefeituras dos campi Fernando Costa e da Capital; Escola Politécnica (Poli); Faculdade de Medicina (FM); Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade (FEA); Instituto de Ciências Matemáticas e de Computação (ICMC); e Superintendência de Tecnologia da Informação.

A previsão é que esse número dobre até o final do ano, com as instalações no Centro de Práticas Esportivas da USP (Cepeusp), Instituto de Biociências (IB), Instituto Oceanográfico (IO), Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz (Esalq) e Instituto de Física de São Carlos (IFSC).

e-Card USP

Outra vantagem do sistema Hórus é a possibilidade de utilizar a Carteirinha Digital USP (e-Card) em catracas equipadas com leitores de QR Code.

“A flexibilidade e a agilidade do Sistema Hórus permitiram que dispositivos digitais de identificação pessoal, tal como o e-Card, pudessem ser facilmente implantados”, lembra Ferreira.

Lançado em 2017, o e-Card é outro produto desenvolvido pela equipe da STI que tem sido cada vez mais adotado por alunos, docentes e servidores da Universidade. Além de permitir acesso em catracas com o sistema Hórus, a carteirinha digital também é utilizada no sistema de controle dos restaurantes universitários.

O aplicativo e-Card está disponível nas lojas Apple e Google Play e pode ser acessado por meio da senha única do usuário USP.

Política de uso 
A reprodução de matérias e fotografias é livre mediante a citação do Jornal da USP e do autor. No caso dos arquivos de áudio, deverão constar dos créditos a Rádio USP e, em sendo explicitados, os autores. Para uso de arquivos de vídeo, esses créditos deverão mencionar a TV USP e, caso estejam explicitados, os autores. Fotos devem ser creditadas como USP Imagens e o nome do fotógrafo.


  •  
  •  
  •  
  •  
  •