USP sedia evento internacional sobre Data Science

A Escola São Paulo de Ciência Avançada sobre Aprendizado de Dados reúne 150 pesquisadores de 19 países

(A partir da esquerda) O reitor Vahan Agopyan; o presidente da Fapesp, Marco Antonio Zago; e o coordenador da Escola, João Eduardo Ferreira, na cerimônia de abertura – Foto: Cecília Bastos/USP Imagens

De 29 de julho a 9 de agosto, a USP sedia a Escola São Paulo de Ciência Avançada sobre Aprendizado de Dados (São Paulo School of Advanced Science on Learning from Data).

“Essa escola tem dois aspectos muito importantes para a USP. O primeiro é que data science é um dos nossos temas estratégicos de pesquisa, e é uma satisfação sediar uma escola que discuta e promova essas ideias. O segundo aspecto é que a realização desse tipo de evento contribui para criar um ambiente internacionalizado na Universidade. É um prazer recebê-los aqui”, afirmou o reitor Vahan Agopyan na cerimônia de abertura que aconteceu na manhã do dia 29 de julho, no auditório do Centro de Difusão Internacional (CDI) da USP.

Organizada pelo Instituto de Matemática e Estatística (IME), a Escola São Paulo de Ciência Avançada sobre Aprendizado de Dados é um evento que reúne 150 pesquisadores de 19 países para participar de minicursos e palestras que apresentam uma visão integrada e aprofundada dos fundamentos, tecnologias e aplicações em data science.

“O principal objetivo dessa escola é unir quatro áreas da ciência da computação – banco de dados, aprendizado computacional, computação de alto desempenho e processamento de imagens –, tendo como base a matemática”, explicou o coordenador do evento, João Eduardo Ferreira, que também ocupa o cargo de superintendente de Tecnologia da Informação da USP.

Na abertura do evento, o pianista e diretor da Escola de Comunicações e Artes, Eduardo Monteiro, apresentou peças de Claude Debussy e Heitor Villa-Lobos – Foto: Cecília Bastos/USP Imagens

A secretária estadual de Desenvolvimento Econômico, Patricia Ellen da Silva, prestigiou a abertura do evento e fez questão de ressaltar que “o Estado de São Paulo tem um compromisso com a Fapesp e as universidades públicas estaduais, investindo em ciência e tecnologia para promover o desenvolvimento tecnológico do nosso Estado. Acreditamos que é somente por meio desse tipo de investimento que podemos não apenas crescer econômica e socialmente, mas também nos tornarmos protagonistas na inovação que acontece no mundo todo”.

Escola São Paulo de Ciência Avançada

A Escola São Paulo de Ciência Avançada sobre Aprendizado de Dados conta com apoio da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (Fapesp), por meio da modalidade Escola São Paulo de Ciência Avançada (ESPCA), que financiou a vinda dos 150 participantes, representando 19 países.

“A Escola São Paulo de Ciência Avançada promove cursos de curta duração em pesquisa avançada em diversas áreas do conhecimento. Desde 2010 já apoiamos 76 projetos similares”, afirmou o presidente da Fapesp, Marco Antonio Zago.

O dirigente também ressaltou a importância do tema abordado nessa escola: “Data Science é uma forma racional de coletar, classificar e ordenar informações que são geradas em uma quantidade cada vez maior, graças ao avanço técnico. E, mais do que isso, essa é uma oportunidade para explorar a integração de diferentes áreas e criar meios para extrair conhecimento da informação”.

A escola tem por objetivo integrar a ciência de dados a outras áreas do conhecimento. Por isso, também serão abordadas aplicações de técnicas de data science para problemas reais em astronomia, economia, genética e processamento de imagens, bem como o gerenciamento de dados no contexto de ciência aberta. Haverá ainda um debate entre especialistas sobre o impacto da ciência de dados na sociedade e apresentação dos trabalhos em andamento dos pós-graduandos e pesquisadores participantes.

O professor do Caltech, Yaser Said Abu-Mostafa (foto), participou do painel Visionary talk, com o diretor do IME, Junior Barrera; a professora do Georgia Tech, Ling Liu; e o professor do ICMC, André Ponce de Leon Ferreira de Carvalho– Foto: Cecília Bastos/USP Imagens

Política de uso 
A reprodução de matérias e fotografias é livre mediante a citação do Jornal da USP e do autor. No caso dos arquivos de áudio, deverão constar dos créditos a Rádio USP e, em sendo explicitados, os autores. Para uso de arquivos de vídeo, esses créditos deverão mencionar a TV USP e, caso estejam explicitados, os autores. Fotos devem ser creditadas como USP Imagens e o nome do fotógrafo.


  •  
  •  
  •  
  •  
  •