Incidentes com pacientes devem ser notificados

A partir de uma iniciativa da Anvisa, a professora Fernanda Gimenes desenvolveu um projeto para incentivar o cidadão a notificar os incidentes

Segundo a Organização Mundial da Saúde, são registrados, anualmente, 43 milhões de incidentes relacionados à segurança do paciente em todo o mundo. Os incidentes podem ser de vários tipos, como lesão de pele relacionada ao posicionamento do paciente, uso incorreto de medicamentos, quedas e outros. Os incidentes podem aumentar o tempo de permanência, mortalidade e custo hospitalar. 

Para impedir que tais eventos aconteçam, a Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) criou em 2014 o Núcleo do Cidadão do Sistema Notivisa para notificar esses incidentes. Foi a partir disso que a professora Fernanda Gimenes, da Escola de Enfermagem de Ribeirão Preto da USP, desenvolveu um projeto de extensão voltado ao planejamento e implementação de intervenções educativas para incentivar o cidadão a notificar os incidentes no Sistema Notivisa. 

Fernanda explicou que, quanto mais notificações forem realizadas, mais medidas corretivas poderão ser desenvolvidas para que esses acidentes ocorram com cada vez menos frequência: “A gente sabe que o problema é muito maior, mas, pela falta de conhecimento das pessoas, elas perdem a oportunidade de notificar esses incidentes e de a gente conhecer a real magnitude desse problema para depois pensar nas estratégias de intervenção”. O sistema Notivisa – Núcleo Cidadão está disponível no Portal da Anvisa

Confira a íntegra da matéria pelo link acima.

.

.


Política de uso 
A reprodução de matérias e fotografias é livre mediante a citação do Jornal da USP e do autor. No caso dos arquivos de áudio, deverão constar dos créditos a Rádio USP e, em sendo explicitados, os autores. Para uso de arquivos de vídeo, esses créditos deverão mencionar a TV USP e, caso estejam explicitados, os autores. Fotos devem ser creditadas como USP Imagens e o nome do fotógrafo.