Direito da USP concederá título de Professor Emérito a Celso Lafer

Cerimônia será realizada em 2 de abril; intelectual foi ministro das Relações Exteriores e presidente da Fapesp

Por - Editorias: Universidade
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
Professor aposentado da Faculdade de Direito, Celso Lafer é considerado um dos maiores intelectuais brasileiros – Foto: Marcos Santos/USP Imagens

Na próxima segunda-feira, 2 de abril, mais um título se soma à biografia de Celso Lafer: o de Professor Emérito da Faculdade de Direito da USP.

O jurista já havia recebido a mesma honraria do Instituto de Relações Internacionais e da própria USP, ambos em 2012. O título é conferido a professores que tenham se destacado por atividades didáticas e de pesquisa ou contribuído, de modo notável, para o progresso da ciência.

No caso de Celso Lafer, a contribuição vai além: membro da Academia Brasileira de Letras, o intelectual também atuou na gestão federal, como ministro das Relações Exteriores e do Desenvolvimento, Indústria e Comércio, presidiu órgãos e conselhos internacionais e dedicou-se, ainda, à área empresarial.

Na Universidade de Cornell, onde cursou mestrado e doutorado, foi aluno de Octavio Paz e de Hannah Arendt, filósofa de cuja obra foi introdutor no Brasil.

Professor titular aposentado do Departamento de Filosofia e Teoria Geral do Direito, Lafer presidiu a Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (Fapesp) de 2007 a 2015. É autor de diversas obras sobre filosofia, direito internacional, direitos humanos e política brasileira.

A cerimônia de outorga do título de Professor Emérito da Faculdade de Direito será realizada no dia 2 de abril, às 19 horas, no Salão Nobre da Faculdade de Direito, em São Paulo.

 

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Textos relacionados