Som de Tavinho Moura no Revoredo

O músico era do Clube da Esquina e compôs trilhas sonoras para filmes como Cabaret Mineiro e Minas, Texas

Share on Facebook0Share on Google+0Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn0Print this pageEmail

Clique aqui para fazer o download 

O programa Revoredo desta semana apresenta Otávio Augusto Pinto de Moura mais conhecido como Tavinho Moura, integrante do Clube da Esquina.

Nasceu em Juiz de Fora, estado de Minas Gerais, e na capital, Belo Horizonte, conheceu o violão e o adotou como principal instrumento. Com cerca de 14 anos, fez o primeiro trabalho profissional ligado à música que foi a trilha sonora do filme O Homem do Corpo Fechado de Schubert Magalhães.

Além de compor outras trilhas, como as dos filmes Cabaret Mineiro e Minas, Texas, consolidou-se no Festival de Belo Horizonte de 1969, quando ganhou o segundo lugar com a música Como Vai Minha Aldeia.

No programa, as músicas Diadorado, Coração disparado, Suindara, Marcha de Quadrilha, Dois Rios, Pegada da Onça, Matogrosso, Encontro das Águas, Inhuma Pantaneira e Inhuma do Brejo. Segundo Tavinho, tocar viola caipira é se esquecer no tempo e ir para misteriosas paisagens desacorrentado.

O programa Revoredo é produzido e apresentado pelo maestro José Gustavo Julião de Camargo, do Departamento de Música da Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Ribeirão Preto (FFCLRP) da USP.

Por: Giovanna Grepi

Share on Facebook0Share on Google+0Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn0Print this pageEmail

Textos relacionados