Pró-Reitoria realiza encontro sobre gestão da Pós-Graduação

O principal objetivo do evento foi o de discutir critérios e diretrizes para um sistema de avaliação próprio dos programas, norteado por parâmetros específicos da Universidade.

Share on Facebook0Share on Google+0Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn0Print this pageEmail

Organizado a cada dois anos, o encontro tem a finalidade de discutir as diretrizes da pós-graduação na Universidade

O principal objetivo do encontro foi discutir os critérios e traçar as diretrizes para um sistema de avaliação próprio, que atuaria paralelamente à avaliação realizada pela Capes, mas norteado por parâmetros específicos da Universidade

A Pró-Reitoria de Pós-Graduação promoveu, entre os dias 24 e 26 de setembro, o Encontro Acadêmico de Gestão da Pós-Graduação 2012. Realizado no auditório Azul da Escola de Artes, Ciências e Humanidades (EACH), o encontro reuniu aproximadamente 250 pessoas, entre dirigentes, representantes das Comissões de Pós-Graduação e coordenadores dos Programas de Pós-Graduação da Universidade.

“O Brasil já é a 6ª maior economia do mundo e todo país que deseja ter um desenvolvimento consistente, investe em universidades de classe mundial. Temos de assumir a premissa básica de que, para se desenvolver, o país precisa de recursos humanos bem preparados e isso é a função de uma universidade de classe mundial”, afirmou o pró-reitor de Pós-Graduação, Vahan Agopyan, na abertura do encontro.

Neste ano, o tema central foi a avaliação como instrumento para melhorar a qualidade dos Programas de Pós-Graduação. O objetivo foi discutir os critérios e traçar as diretrizes para um sistema de avaliação próprio, que atuaria paralelamente à avaliação realizada pela Capes, mas norteado por parâmetros específicos da Universidade.

O pró-reitor também ressaltou a importância de se incluir na avaliação informações sobre a trajetória dos alunos formados pela Pós-Graduação da USP. “Não basta ser apenas um bom pesquisador, nosso egresso tem de ser um líder, tem de ter capacidade de superação e de gerar novos núcleos de pesquisa, mantendo sua produtividade”, concluiu.

No dia seguinte, foram formados oficinas e grupos de trabalho, divididos por áreas do conhecimento, com o objetivo de preparar documentos relativos às discussões para apresentação e debate na plenária geral, promovida na tarde do dia 25. A proposta consolidada com critérios e diretrizes de avaliação será encaminhada ao Conselho de Pós-Graduação.

No último dia do encontro, o vice-reitor, Hélio Nogueira da Cruz; o vice-reitor de Relações Internacionais, Adnei Meldes de Andrade; o pró-reitor de Pesquisa, Marco Antonio Zago; a pró-reitora de Cultura e Extensão Universitária, Maria Arminda do Nascimento Arruda; o secretário-geral, Rubens Beçak; e o diretor da EACH, Jorge Boueri, participaram da mesa redonda “Desafios e Perspectivas da Avaliação USP para a Gestão da Pós-Graduação”, moderada por Agopyan.

(Foto: Ernani Coimbra)

Share on Facebook0Share on Google+0Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn0Print this pageEmail

Textos relacionados