Primeiro transplante de rim completa 50 anos em Ribeirão Preto

Professor da Faculdade de Medicina participou da cirurgia e revela o pioneirismo do transplante para a época

  • 6
  •  
  •  
  •  
  •  

Em 1968,  foi realizado o primeiro transplante de rim da Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto da USP. O professor aposentado Antônio Carlos Pereira Martins, do Departamento de Cirurgia da FMRP/USP, participou do procedimento. Neste sábado (10/2),  a cirurgia completa 50 anos. Segundo ele, aquele momento foi motivo de muito orgulho, poucos centros no mundo realizavam transplantes e, durante três anos, a equipe médica treinou o procedimento toda semana em cães, até se sentir preparada.

O impacto da cirurgia foi noticiado pela imprensa e repercutido no meio acadêmico, o que levou a mudança na legislação brasileira que não tratava da doação de órgãos. O professor fala que ainda falta uma conscientização maior em relação à doação de órgãos, que pode salvar vidas. Em 2016, foram realizados 24 mil transplantes, pelo menos 41 mil pessoas estão na espera, e o de rim é o de maior fila.

Jornal da USP, uma parceria do Instituto de Estudos Avançados, Faculdade de Medicina e Rádio USP, busca aprofundar temas nacionais e internacionais de maior repercussão e é veiculado de segunda a sexta-feira, das 7h30 às 9h30, com apresentação de Roxane Ré.

Você pode sintonizar a Rádio USP em São Paulo FM 93.7, em Ribeirão Preto FM 107.9, pela internet em www.jornal.usp.br ou pelo aplicativo no celular. Você pode ouvir a entrevista completa no player acima.

  • 6
  •  
  •  
  •  
  •  

Textos relacionados