Projeto Dar Voz promove diversidade no rádio contra monopólios da mídia

Iniciativa celebra Dia Internacional do Rádio dando espaço para ideias pouco presentes nos meios hegemônicos

Share on Facebook17Share on Google+0Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn0Print this pageEmail

Por meio de uma parceria entre o Grupo de Pesquisa Cidade do Conhecimento, a instituição londrina de ativistas políticos e da tecnologia Newspeak House, e a Rádio USP, o projeto em áudio Dar Voz celebra o Dia Mundial do Rádio, comemorado no dia 13 de fevereiro. O trabalho surgiu no início deste ano em contato com ativistas de todo o mundo preocupados com o nível de concentração de poder na internet.

O professor do Departamento de Cinema, Rádio e Televisão Gilson Schwartz afirma que a ação visa a ouvir manifestações de comunidades, movimentos sociais e artistas. Segundo o docente, a ideia é dar espaço aos grupos que não têm espaço de fala nos monopólios da mídia.

Ele acredita que a iniciativa estimule um espírito crítico escasso no meio virtual, já que, na visão dele, as grandes empresas das redes sociais têm incentivado a espionagem e a interferência nos processos políticos. Além disso, Schwartz acredita que o Dar Voz é uma alternativa contra o discurso de ódio e a intolerância que pairam na internet.

O Jornal da USP, uma parceria do Instituto de Estudos Avançados, Faculdade de Medicina e Rádio USP, busca aprofundar temas nacionais e internacionais de maior repercussão e é veiculado de segunda a sexta-feira, das 7h30 às 9h30, com apresentação de Roxane Ré.

Você pode sintonizar a Rádio USP em São Paulo FM 93.7, em Ribeirão Preto FM 107.9, pela internet em www.jornal.usp.br ou pelo aplicativo no celular.

Você pode ouvir a entrevista completa no player acima.

Share on Facebook17Share on Google+0Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn0Print this pageEmail

Textos relacionados