Jejuno e íleo, alças intestinais que absorvem nutrientes

Segmentos do intestino delgado somam 6 metros de comprimento e estão dispostos em zig-zag

  • 2
  •  
  •  
  •  
  •  

Especialista em anatomia humana, o professor Luis Fernando Tirapelli, do Departamento de Anatomia da Faculdade de Medicina (FMRP) da USP em Ribeirão Preto, conta um pouco das funções e importância do jejuno e o íleo no organismo

Segunda e terceira porção do intestino delgado, respectivamente, jejuno e íleo somam juntos cerca de 6 metros de comprimento. Tirapelli explica que o jejuno é a parte central do intestino delgado e o íleo, a porção final que se comunica com o intestino grosso. E é lá, no intestino delgado, que é absorvida a maior parte dos nutrientes que ingerimos.

Este boletim Anatomia Responde foi produzido pela parceria das Faculdades de Odontologia (FORP) e de Medicina (FMRP) da USP em Ribeirão Preto. Vai ao ar de segunda e sexta-feira, às 14h30, na USP FM Ribeirão, em 107,9 MHz, e USP FM São Paulo, 93,7 MHz. Ouça acima, na íntegra, o Anatomia Responde.

Imagem: bodymybody / Pixabay CC0

  • 2
  •  
  •  
  •  
  •  

Textos relacionados