USP promove discussões sobre a Lei de Direito Autoral e o Plano SP 2040

No dia 15 de setembro, a Universidade participou de dois seminários envolvendo discussões importantes da atualidade: a reforma da Lei de Direito Autoral, que está sendo estudada pelo Ministério da Cultura, e o planejamento para a cidade de São Paulo de 2040

Share on Facebook0Share on Google+0Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn0Print this pageEmail

No dia 15 de setembro, a Universidade participou de dois seminários envolvendo discussões importantes da atualidade: a reforma da Lei de Direito Autoral, que está sendo estudada pelo Ministério da Cultura, e o planejamento para a cidade de São Paulo de 2040

A mesa de abertura contou com a participação do gerente jurídico da TV Globo, Carlos Araújo; do reitor da USP, João Grandino Rodas; e do secretário-executivo do Ministério da Cultura, Vitor Ortiz. O mestre de cerimônias foi o repórter da TV Globo, José Roberto Burnier

No Teatro da Faculdade de Medicina da USP, o Seminário Propriedade Intelectual em Foco, promovido pela USP em parceria com o Globo Universidade, trouxe para o centro das discussões as mudanças na legislação que regulamenta a propriedade intelectual no Brasil.

Reunindo representantes das áreas jurídicas e artísticas, o Seminário abordou temas como internet, pirataria e inovações tecnológicas, assuntos cuja regulamentação está sendo discutida em todo o mundo dada a velocidade com que a tecnologia tem modificado a difusão de conteúdo intelectual. Para Vitor Ortiz, “o direito autoral é um elemento fundamental para arrecadação e para sustentação das cadeias criativas, por isso a necessidade da atualização da lei”.

Debates como esse são importantes para enriquecer o anteprojeto de Lei e apressar a regulamentação jurídica. O reitor, João Grandino Rodas, lembrou também que o tema, apesar de relevância, não tem despertando muito o interesse dos estudiosos. “Há a necessidade de aumentar profissionais especializados nessa área e incentivar o desenvolvimento de pesquisas.”

Clique aqui para acessar matéria sobre o evento, veiculada no programa Bom Dia São Paulo, da Rede Globo, no dia 16 de setembro.

Seminário Internacional do Plano SP 2040

No mesmo dia, no Auditório do Ibirapuera, acontecia o Seminário Internacional do Plano SP 2040, promovido pela Secretaria de Desenvolvimento Urbano.

Este evento trouxe quatro estrangeiros especialistas em planejamento de longo prazo de grandes cidades, entre eles, o presidente do Regional Plan Association de Nova York, Roberto Yaro, e o consultor do Banco Mundial em estratégia de cidades, Greg Clark.

Também participaram do evento o prefeito, Gilberto Kassab; o secretário municipal de Desenvolvimento Urbano, Miguel Luiz Bucalem, e o coordenador do Programa de Estudos do Futuro (Profuturo), da Fundação Instituto de Administração (FIA) da USP, James Wright.

As próximas etapas do SP 2040 serão a promoção de discussões públicas para que a sociedade possa conhecer o projeto e dar seu parecer; e a definição das metas e prioridades do Plano que, nas palavras de James Wright, “transformará o rumo de nossa cidade e nos ajudará a recuperar o orgulho de sermos paulistanos”.

O Plano SP 2040 é um planejamento de longo prazo desenvolvido pela Prefeitura de São Paulo, em parceria com a USP, com o objetivo de definir metas a serem atingidas nas próximas décadas para que São Paulo se torne uma cidade melhor para seus moradores, sem perder sua competividade e importância. O plano deverá orientar tanto o poder público quanto a sociedade, em ações que visem transformar a organização social, econômica, urbana e ambiental do município.

(Foto: Ernani Coimbra)

Share on Facebook0Share on Google+0Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn0Print this pageEmail

Textos relacionados