Quer usar a nota do Enem para entrar na USP? Já estão abertas as inscrições para o novo Enem USP

Candidatos podem concorrer a 2.917 vagas em vários cursos para ingresso em 2023; inscrições devem ser feitas até o dia 31 de janeiro no site da Fuvest

 09/12/2022 - Publicado há 2 meses  Atualizado: 12/01/2023 as 11:02
Enem USP é o novo processo seletivo para concorrer a uma vaga na USP usando a nota do Enem – Arte sobre foto de Marcos Santos/USP Imagens

.
Os vestibulandos que pretendem usar a nota do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) para concorrer a uma das 2.917 vagas disponíveis nesta modalidade para os cursos de graduação da USP já podem se inscrever no novo sistema Enem USP. As inscrições estão disponíveis neste link a partir de hoje, 9 de dezembro, até o dia 31 de janeiro de 2023.

Podem concorrer os estudantes que já concluíram o Ensino Médio ou equivalente, ou que venham a concluir no ano letivo de 2022, além de portadores de diploma de curso superior que tenham se submetido às provas do Enem em 2022. O edital completo está disponível neste link.

Para participar do processo, o candidato deverá pagar uma taxa de inscrição de R$ 10 até o último dia de inscrição, 31 de janeiro, mas há possibilidade de isenção da taxa para candidatos:

  • inscritos no vestibular da Fuvest 2023;
  • em situação de vulnerabilidade socioeconômica, com renda familiar bruta per capita igual ou inferior a 1,5 salário mínimo e que tenham cursado integralmente o ensino médio em escolas públicas brasileiras (categorias EP-L1 e PPI-L2);
  • inscritos no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal (CadÚnico).

Como escolher o curso no sistema Enem USP

Os candidatos podem concorrer a uma vaga em até três cursos de uma das áreas de conhecimento: Ciências Biológicas e da Vida (B); Ciências Exatas e Tecnológicas (E) e Ciências Humanas e Sociais (H), conforme a Tabela de Vagas disponível neste link. Caso mude de ideia sobre os cursos escolhidos, ainda será possível alterar as opções de cursos dentro da área do conhecimento escolhida no período de 13 a 15 de fevereiro de 2023.

Das 2.917 vagas oferecidas, 599 serão reservadas para candidatos na modalidade de Ampla Concorrência, 1.233 para estudantes EP e 1.085 para estudantes PPI. Todos os inscritos concorrerão primeiramente às vagas oferecidas para Ampla Concorrência (AC). O candidato que também pretende concorrer às vagas destinadas às Políticas de Ações Afirmativas deve informar na inscrição conforme as modalidades a seguir:

  • Escola Pública (EP-L1) – candidatos com renda familiar bruta per capita igual ou inferior a 1,5 salário mínimo que tenham cursado integralmente o ensino médio em escolas públicas brasileiras;
  • Escola Pública (EP-L3) – candidatos que, independentemente da renda, tenham cursado integralmente o ensino médio em escolas públicas brasileiras;
  • Pretos, Pardos e Indígenas (PPI-L2) – vagas destinadas aos candidatos autodeclarados pretos, pardos ou indígenas com renda familiar bruta per capita igual ou inferior a 1,5 salário mínimo, que tenham cursado integralmente o ensino médio em escolas públicas brasileiras;
  • Pretos, Pardos e Indígenas (PPI-L4) – vagas destinadas aos candidatos autodeclarados pretos, pardos ou indígenas que, independentemente da renda, tenham cursado integralmente o ensino médio em escolas públicas brasileiras.

O candidato deve informar a intenção de concorrer às vagas destinadas às Políticas de Ações Afirmativas no momento da inscrição, depois não será mais possível.

Como será a seleção

A seleção dos candidatos será por classificação conforme a pontuação obtida no Enem do ano de 2022. Primeiro serão preenchidas as vagas destinadas à Ampla Concorrência (AC); depois as vagas destinadas às Políticas de Ações Afirmativas, nas categorias Escola Pública (L1 e L3); a seguir serão classificados os candidatos autodeclarados pretos, pardos e indígenas que tenham realizado a inscrição, também, para as vagas PPI, nas categorias PPI (L2 e L4).

O candidato concorrerá apenas com aqueles que tenham optado pelo mesmo curso e período no processo seletivo Enem USP 2023, mas a pontuação final poderá variar para cada curso conforme estabelecido pelas Unidades da USP neste link.

As listas de aprovados estarão disponíveis no site da Fuvest por meio de chamadas conforme o cronograma abaixo, até o preenchimento de todas as vagas. O candidato aprovado deverá estar atento às etapas de matrícula virtual e de confirmação para ter seu direto à vaga. Os documentos exigidos para a matrícula estão relacionados no edital do Enem USP 2023.

A matrícula na vaga PPI (para os candidatos autodeclarados pretos ou pardos) somente será confirmada após validação da autodeclaração de raça por uma comissão de heteroidentificação do Conselho de Inclusão e Pertencimento da USP. O objetivo é garantir que os candidatos autodeclarados pretos, pardos e indígenas tenham a segurança de que a sua vaga está garantida e evitar fraudes.

Cronograma do Enem USP 2023 (considerar o horário de Brasília)
Acompanhe as informações no site da Fuvest (www.fuvest.br) e da USP (www.usp.br)

  • 9 de dezembro de 2022 a 31 de janeiro de 2023Período de inscrições com escolha de uma área do conhecimento: Ciências Biológicas e da Vida (B); Ciências Exatas e Tecnológicas (E) ou Ciências Humanas e Sociais (H) e opção de até três cursos dentro da área escolhida
  • 31 de janeiro de 2023 – Data limite para pagamento da taxa de inscrição
  • 13 a 15 de fevereiro de 2023 – Prazo para eventual alteração das opções de curso dentro da área do conhecimento na inscrição (neste link)
  • 17 de fevereiro – Divulgação do resultado da 1ª chamada
  • 22 a 27 de fevereiro (até as 12 horas) – Primeira etapa da matrícula virtual para candidatos convocados na 1ª chamada
  • 1º de março – Divulgação do resultado da 2ª chamada
  • 2 e 3 de março (até as 12 horas) – Primeira etapa da matrícula virtual para candidatos convocados na 2ª chamada
  • 1º a 3 de março (até as 17 horas) – Declaração de interesse de vaga para adesão à lista de espera do Enem-USP 2023
  • 6 a 8 de março (até as 16 horas) – Etapa obrigatória de confirmação de matrícula para convocados em 1ª e 2ª chamada
  • 10 de março – Divulgação da classificação da lista de espera
  • 13 de março – Divulgação da 1ª chamada da lista de espera
  • 14 e 15 de março (até as 12 horas) – Primeira etapa da matrícula virtual dos estudantes da 1ª chamada da lista de espera
  • 20 de março – Divulgação da 2ª chamada da lista de espera
  • 21 a 22 de março (até as 12 horas) – Primeira etapa da matrícula virtual dos estudantes da 2ª chamada da lista de espera
  • 27 de março – Divulgação da 3ª chamada da lista de espera
  • 28 e 29 de março (até as 12 horas) – Primeira etapa da matrícula virtual dos estudantes da 3ª chamada da lista de espera
  • 3 a 5 de abril (até as 16 horas) – Etapa obrigatória de confirmação de matrícula para convocados em 1ª e 3ª chamada da lista de espera

Sobre o Enem USP

O Enem USP é um novo sistema implantado neste ano que substitui o ingresso na USP via SiSU (Sistema de Seleção Unificada) do Ministério da Educação, que era utilizado anteriormente.

A ideia é que, com o novo sistema, os ingressantes pelo sistema Enem USP possam seguir o mesmo calendário de matrícula dos ingressantes que entrarem pelo concurso vestibular da Fuvest, o que não era possível no sistema anterior, via SiSU, que muitas vezes demorava mais de um mês para a seleção, conforme explicou Aluisio Augusto Cotrim Segurado, pró-reitor de Graduação da USP, em entrevista à Rádio USP. Além disso, o novo sistema vai permitir preencher todas as vagas disponíveis, já que o controle das chamadas e da lista de espera ficará a cargo da Fuvest.

Para ingresso em 2023, além das 2.917 vagas pelo sistema Enem USP, a USP oferece 8.230 vagas pelo vestibular da Fuvest, totalizando 11.147 vagas para novos alunos.

.

Para fazer sua inscrição no Enem USP 2023 acesse este link.
Tabela de vagas: clique aqui.
Pesos e notas por curso: clique aqui.

Para saber mais sobre o processo seletivo Enem USP acesse: www.fuvest.br/enem-usp.

.


Política de uso 
A reprodução de matérias e fotografias é livre mediante a citação do Jornal da USP e do autor. No caso dos arquivos de áudio, deverão constar dos créditos a Rádio USP e, em sendo explicitados, os autores. Para uso de arquivos de vídeo, esses créditos deverão mencionar a TV USP e, caso estejam explicitados, os autores. Fotos devem ser creditadas como USP Imagens e o nome do fotógrafo.