Giselle Beiguelman lança, na Flip, Memória da Amnésia: políticas do esquecimento

A apresentação do livro será na Casa Sesc em um debate sobre patrimônio, negligência e resistência

No próximo dia 12, Giselle Beiguelman estará na Feira Literária de Paraty (Flip) para lançar Memória da Amnésia:políticas do esquecimento na Casa Sesc. Em sua coluna da Rádio USP, Ouvir Imagens, a artista e professora da Faculdade de Arquitetura e Urbanismo da USP fala sobre o seu novo livro (clique no player acima).

“Nesta edição reúno um conjunto de ensaios textuais e visuais no campo das estéticas da memória”, explica. “Todos os capítulos, com exceção do último que é uma reflexão sobre o incêndio do Museu Nacional, orbitam em torno de projetos realizados por mim em diferentes contextos. São trabalhos experimentais e de pesquisa que se desenvolvem por meio de intervenções artísticas no espaço público e nos espaços informacionais.”

O livro abre com Beleza convulsiva tropical, um projeto feito na 3ª Bienal da Bahia , em 2014, no Arquivo Histórico do Estado. O segundo capítulo, fala da intervenção Memória da amnésia apresentada no Arquivo Histórico de São Paulo que dá nome ao livro. Os dois capítulos seguintes dão prosseguimento a essas reflexões. entremeadas por questões que reverberam os trabalhos da artista com mídias digitais.

O livro encerra com um ensaio sobre o incêndio do Museu Nacional da Universidade Federal do Rio de Janeiro em 2 de setembro de 2018. “O texto foi pensado no espectro de um memoricídio, o incêndio é lido sob o signo das catástrofes e como uma metáfora do nosso passado recente”, observa Beiguelman. “Foi escrito quase como um posfácio, quando este livro já estava pronto, em outubro. Sem ceder à perplexidade diante do presente nem à amnésia, finalizo insistindo na potência da arte em tensionar a memória e reinventar o real.”

Memória da Amnésia: políticas do esquecimento será lançado em um debate sobre patrimônio, resistências e negligências, às 17 horas,  com a participação de Solange Ferraz de Lima, professora e diretora do Museu Paulista da USP e Alexander Kellner, diretor do Museu Nacional da Universidade Federal do Rio de Janeiro. O mesmo debate com os mesmos participantes será promovido em São Paulo no dia 16, às 19h30, no Centro de Pesquisa e Formação do Sesc (rua Dr. Plínio Barreto, 285 – 4º andar, Bela Vista).

Quem quiser saber mais sobre a participação de Giselle Beiguelman na Feira Literária de Paraty, acesse:

www.desvirtual.com


Ouvir Imagens 
A coluna Ouvir Imagens, com a professora Gisele Beiguelman, vai ao ar toda segunda-feira às 8h00, na Rádio  USP (São Paulo 93,7 FM; Ribeirão Preto 107,9 FM) e também no Youtube, com produção do Jornal da USP e  TV USP.

.

Política de uso 
A reprodução de matérias e fotografias é livre mediante a citação do Jornal da USP e do autor. No caso dos arquivos de áudio, deverão constar dos créditos a Rádio USP e, em sendo explicitados, os autores. Para uso de arquivos de vídeo, esses créditos deverão mencionar a TV USP e, caso estejam explicitados, os autores. Fotos devem ser creditadas como USP Imagens e o nome do fotógrafo.