USP está entre as 100 universidades de melhor reputação do mundo

A edição 2016 do World Reputation Ranking foi divulgada nesta semana pela consultoria britânica de educação superior The Times Higher Education

Por - Editorias: Universidade
Compartilhar no FacebookCompartilhar no Google+Tweet about this on TwitterImprimir esta páginaEnviar por e-mail

logo_times_higher_education2016Pelo quinto ano consecutivo, a USP foi classificada entre as 100 universidades com melhor reputação acadêmica no World Reputation Ranking 2016, divulgado hoje, dia 4 de maio, pela consultoria britânica de educação superior The Times Higher Education.

Classificada na posição 91-100, a USP é a única universidade da América Latina a figurar no ranking, que é liderado por três universidades americanas: Harvard University (1º lugar), Massachusetts Institute of Technology (2º) e Stanford University (3º). Em 2015, a USP ocupou a posição 51-60 e, em 2014, a colocação 81-90.

Em sua sexta edição, o THE Reputation é uma vertente da classificação anual das universidades, elaborada pelo The Times, que envolve 13 critérios (como relação aluno/professor, quantidade de discentes e docentes estrangeiros, número de trabalhos científicos publicados, dinheiro aplicado em pesquisa etc.).

Prédio da Reitoria da USP – Foto: Marcos Santos/USP Imagens

O World Reputation Ranking se baseou nos resultados de consultas realizadas junto a 10.323 acadêmicos de mais de 130 países, tendo como principal critério a excelência na pesquisa e no ensino.

Os pontos para avaliar a reputação são referentes ao número de vezes que uma instituição foi citada pelos entrevistados como sendo a melhor em seus respectivos campos de conhecimento. Os acadêmicos consultados poderiam destacar as universidades que consideravam as mais fortes, regional e globalmente, em suas áreas específicas, dentre mais de seis mil instituições de ensino superior existentes no âmbito mundial.

Áreas de concentração

No QS World University Ranking by Subject, divulgado em março deste ano, a USP foi classificada entre as duzentas melhores universidades do mundo em 38 das 42 áreas de concentração avaliadas. O destaque foi a área de Odontologia, na qual a Universidade alcançou o 9º lugar, sua melhor colocação.

A Universidade também ficou entre as 50 melhores do mundo nas áreas de Agricultura e Silvicultura (26ª), Antropologia (34ª), Engenharia de Minérios e Minas (36ª) e Ciência Veterinária (38ª). As áreas de Antropologia e Engenharia de Minérios e Minas participaram do ranking pela primeira vez.  Em 25 áreas, a USP ficou entre a 51ª e a 100ª posição; em sete áreas, entre as 150 melhores; e, em uma área, entre as 250 melhores.

Da Assessoria de Imprensa da USP

Compartilhar no FacebookCompartilhar no Google+Tweet about this on TwitterImprimir esta páginaEnviar por e-mail

Textos relacionados