André Singer analisa crise envolvendo presidência do Senado

Semana foi marcada pelo questionamento sobre a posição do senador Renan Calheiros

Compartilhar no FacebookCompartilhar no Google+Tweet about this on TwitterImprimir esta páginaEnviar por e-mail

00_zero

Renan Calheiros chega ao senado para reunião com a mesa diretora - Foto: Marcelo Camargo/ Agência Brasil
Renan Calheiros chega ao senado para reunião com a mesa diretora – Foto: Marcelo Camargo/ Agência Brasil

Apesar de ser réu em ação penal, o Plenário do Supremo Tribunal Federal decidiu manter o senador Renan Calheiros na presidência da instituição parlamentar, com a ressalva de que ele não poderá suceder o presidente da República, contrariando liminar concedida pelo ministro Marco Aurélio Mello.

“O conjunto todo do episódio me parece negativo para essas duas instituições tão importantes para o Brasil”, considera o cientista político André Singer, referindo-se ao Senado e ao STF.

Para Singer, a decisão acalma momentaneamente a crise que vinha acompanhando o caso, mas ele prevê que novos episódios de incerteza institucional devem ocorrer adiante.

 

 

Compartilhar no FacebookCompartilhar no Google+Tweet about this on TwitterImprimir esta páginaEnviar por e-mail

Textos relacionados