Você tem uma ideia de negócio e quer colocá-la em prática? A USP ajuda

Equipes precisam ter um ou mais alunos e ex-alunos da Universidade, formados a partir de 2017, para participar de projeto do Núcleo de Empreendedorismo

Editorias: Universidade - URL Curta: jornal.usp.br/?p=262015
Participante expõe projeto durante a edição passada do Ser Empreendedor – Foto: Arquivo Pessoal

.

 

Tem uma ideia inovadora e não sabe por onde começar? O Núcleo de Empreendedorismo (NEU) da USP está organizando a 16º edição do Ser Empreendedor, um evento que busca incentivar o desenvolvimento de ideias de negócios, oferecendo diversos tipos de suporte, como materiais, mentoria e premiação para as melhores equipes.   

Será uma jornada de imersão, na qual as equipes irão inscrever seus projetos e receber um bom suporte para desenvolvê-lo. Trata-se de um mês de atividades, entregas e aprendizados, que começa em 11 de agosto e se encerra em 21 de setembro. 

Para se inscrever, as equipes deverão ter de dois a quatro membros, e ao menos um deles precisa ser aluno ou ex-aluno da graduação na USP, formado a partir de 2017; preencher o formulário on-line, com a ideia de negócio desenvolvida no site Canvas, uma ferramenta que auxilia no desenvolvimento de modelos de negócio, além de garantir melhor visualização deles. Os participantes têm até 11 de agosto para enviar o formulário preenchido com a ideia do negócio. 

As equipes aprovadas seguem para a segunda fase, na qual deverão entregar um Plano de Negócios e um Minimum Valuable Product (MVP), que em português significa Produto Minimamente Viável. Trata-se um processo de validação da ideia, que consiste em testes primários do produto antes de ele ser finalizado. 

Já o Plano de Negócios, assim como o MVP, é uma ferramenta que auxilia na visualização do mercado, do produto e nas próximas metas a serem atingidas. Dessa forma, os empreendedores são capazes de visualizar os objetivos a serem alcançados e quais os possíveis riscos. Os grupos receberão suporte da equipe do NEU, como materiais e mentoria, para desenvolver os planos. O resultado da segunda etapa será divulgado em 18 de setembro.

Alunos de todas as áreas podem participar da capacitação – Foto: Arquivo Pessoal

Se selecionadas, as equipes passam ainda pela terceira e última fase: a apresentação final do negócio, ou pitch. Uma apresentação rápida, de cinco minutos, que possui como objetivo impressionar a quem está assistindo, como investidores, e assim vender o produto. A última etapa da competição ocorre no dia 21 de setembro e contará com duas partes. No início do dia, as equipes assistirão a um workshop de preparação para o pitch, bem como terão tempo para se preparar e receber feedbacks sobre suas apresentações. As melhores equipes serão premiadas. 

Projetos inovadores

A vice-presidente do NEU e estudante do curso de Direito, Vitória da Mata Vasconcelos, conta que o projeto é uma iniciativa que busca incentivar o empreendedorismo na Universidade nas mais diferentes áreas. “Aqui no núcleo, há pessoas de vários cursos. Da Engenharia, do Direito, do Design. De várias faculdades.”

Para que todos os alunos pudessem participar do Ser Empreendedor, ela conta que a equipe resolveu ajudar os interessados em participar do projeto que não possuam equipe para se inscrever. “É só enviar um e-mail para o NEU, com o assunto ’16º Ser Empreendedor’, que tentaremos ajudar.”

O objetivo é juntar pessoas que possuam ideias parecidas de negócios para que possam trabalhar em conjunto, desenvolvendo planos que sejam tecnológicos e escaláveis. “Isso significa que os projetos precisam abarcar tecnologia e serem de fácil reprodução”, explica a estudante. 

Evento | Ser Empreendedor
Data de inscrição |  Até 11 de agosto
Valor | Gratuito

Mais informações no edital do projeto, na página do evento no facebook e no e-mail ser.empreendedor.neu@gmail.com

.

.


Política de uso 
A reprodução de matérias e fotografias é livre mediante a citação do Jornal da USP e do autor. No caso dos arquivos de áudio, deverão constar dos créditos a Rádio USP e, em sendo explicitados, os autores. Para uso de arquivos de vídeo, esses créditos deverão mencionar a TV USP e, caso estejam explicitados, os autores. Fotos devem ser creditadas como USP Imagens e o nome do fotógrafo.