Troncos nervosos são responsáveis pelas dores bucais

Dentistas devem conhecer bem os nervos da boca para melhor aplicação de anestésicos

O professor Luís Fernando Tirapelli fala, no primeiro boletim do Anatomia Responde desta semana, sobre o funcionamento das anestesias durante um tratamento dentário.

Tirapelli explica que as raízes dentárias estão implantadas no interior de orifícios naturais localizados em dois ossos superiores da face, os maxilares, e um na parte inferior, a mandíbula. Os dentes são órgãos vivos e possuem nervos e vasos sanguíneos.

Quando um analgésico é administrado nas proximidades das raízes dos dentes ou dos troncos nervosos, o professor conta que a dor é temporariamente interrompida, “assim, na mandíbula, uma única injeção pode interromper todo o nervo, anestesiando todos os dentes inferiores do mesmo lado”.

Tirapelli ainda conta que, ao contrário disso, “vários nervos superiores estendem-se até os dentes, fazendo com que várias injeções tornem-se necessárias para anestesiar o local”.

O professor lembra que “vários troncos nervosos são responsáveis pela sensação dolorosa dos dentes, gengivas e do revestimento interno da cavidade oral, e a distribuição desses nervos deve ser bem conhecida pelos dentistas, para que assim a anestesia possa ser realizada de forma correta”.

.

.


Política de uso 
A reprodução de matérias e fotografias é livre mediante a citação do Jornal da USP e do autor. No caso dos arquivos de áudio, deverão constar dos créditos a Rádio USP e, em sendo explicitados, os autores. Para uso de arquivos de vídeo, esses créditos deverão mencionar a TV USP e, caso estejam explicitados, os autores. Fotos devem ser creditadas como USP Imagens e o nome do fotógrafo.