Saiba como os anti-inflamatórios agem no organismo

Para que as inflamações sejam amenizadas, é necessário que a produção da prostaglandina diminua no corpo

No primeiro boletim desta semana, o Pílula Farmacêutica explica como os  medicamentos anti-inflamatórios funcionam no organismo. Os anti-inflamatórios são usados para impedir ou diminuir um processo inflamatório causado por uma infecção ou lesão. A inflamação é ocasionada pelo aumento da produção da prostaglandina

Para que ocorra o aumento dessa substância, é necessário que o ácido araquidônico, uma substância da família do ômega 6, sofra oxidação, que nesse caso é feita por uma enzima chamada ciclo-oxigenaseQuando um anti-inflamatório é utilizado, suas moléculas competem com as enzimas ciclo-oxigenases, preenchem seus receptores e impedem que ajam sobre o ácido araquidônico, o que impede a formação da prostaglandina. Com menor produção de prostaglandina pelo corpo, a inflamação diminui.

O boletim é apresentado pelos alunos de graduação da Faculdade de Ciências Farmacêuticas de Ribeirão Preto (FCFRP) da USP, com supervisão da professora Regina Célia Garcia de Andrade. Trabalhos técnicos de Luiz Antonio Fontana. Ouça acima, na íntegra, o boletim Pílula Farmacêutica.

Política de uso 
A reprodução de matérias e fotografias é livre mediante a citação do Jornal da USP e do autor. No caso dos arquivos de áudio, deverão constar dos créditos a Rádio USP e, em sendo explicitados, os autores. Para uso de arquivos de vídeo, esses créditos deverão mencionar a TV USP e, caso estejam explicitados, os autores. Fotos devem ser creditadas como USP Imagens e o nome do fotógrafo.


  •  
  •  
  •  
  •  
  •