Edição gênica não traz só polêmica, mas cura para doenças

Novos estudos têm mostrado uma variedade de aplicações para a técnica CRISPR no tratamento de condições graves

  • 1
  •  
  •  
  •  
  •  

Nesta edição de Decodificando o DNA, Mayana Zatz apresenta as pesquisa mais recentes envolvendo o tratamento de doenças utilizando a técnica de  CRISPR-Cas 9. Apesar de ter sido tema de discussões éticas na comunidade científica, e até preocupações sobre seu uso para modificar a espécie humana, os estudos apontam a eficiência da edição gênica para curar pacientes de variadas condições. Muitas delas, inclusive, que colocam em risco a vida: doença pulmonar, talassemia (anemia crônica genética), anemia falciforme, cegueira hereditária infantil e algumas formas de câncer.

Clique no áudio acima para ouvir a geneticista do Centro de Pesquisas sobre o Genoma Humano e Células-Tronco (CEGH-CEL) da USP.

Política de uso 
A reprodução de matérias e fotografias é livre mediante a citação do Jornal da USP e do autor. No caso dos arquivos de áudio, deverão constar dos créditos a Rádio USP e, em sendo explicitados, os autores. Para uso de arquivos de vídeo, esses créditos deverão mencionar a TV USP e, caso estejam explicitados, os autores. Fotos devem ser creditadas como USP Imagens e o nome do fotógrafo.


  • 1
  •  
  •  
  •  
  •