Estudantes são selecionados para atuar como tutores nos cursos de graduação

Os tutores poderão realizar atividades como elaboração de resumos, realização de discussões sobre textos e organização de minicursos que auxiliem no acompanhamento das disciplinas de graduação

 Publicado: 01/02/2024     Atualizado: 06/02/2024 as 17:41
Por
O Programa de Tutoria busca ampliar conhecimentos e habilidades dos estudantes – Foto: Reprodução/Freepik

Estão abertas as inscrições para o Programa de Apoio Pedagógico (PAP) Tutoria, que seleciona estudantes de graduação para atuarem como tutores e auxiliarem os docentes em atividades complementares nas disciplinas de graduação da USP.

Aluisio Augusto Cotrim Segurado – Foto: Marcos Santos/USP Imagens

“O PAP-Tutoria tem como objetivo proporcionar a aprendizagem de conhecimentos ou a aquisição de habilidades ao bom acompanhamento das disciplinas de nossos cursos de graduação”, explica o pró-reitor de Graduação, Aluisio Augusto Cotrim Segurado.

Os tutores atuarão junto com os colegas, desenvolvendo atividades como elaboração de resumos, discussões sobre textos, realização de exercícios, organização de minicursos, atendimento individualizado e retomada de conteúdos abordados no ensino médio. As atividades são realizadas em horários predeterminados, fora do horário das aulas.

Os estudantes interessados devem acessar o Portal de Serviços USP, de 9 a 18 de fevereiro, e fazer a inscrição em uma ou mais propostas de tutoria. É necessário estar cursando a partir do segundo ano de graduação.

Os tutores selecionados não poderão acumular outra bolsa ou estágio USP, com exceção dos auxílios da Pró-Reitoria de Inclusão e Pertencimento, e deverão cumprir a carga horária de dez horas semanais. O valor da bolsa de tutoria é de R$ 700 mensais, pagos em cinco meses, com vigência de março a julho.

Necessidades dos estudantes

À época de criação do PAP-Tutoria, o principal objetivo era identificar conhecimentos que seriam necessários para os cursos, mas que não puderam ser alcançados nos dois anos de ensino remoto emergencial, imposto pela pandemia de covid-19, e desenvolver um plano de atividades para recuperar as perdas.

“Agora, o propósito do programa passa a ser, essencialmente, apoiar estudantes de graduação com vistas ao aprimoramento de seu desempenho nas disciplinas do curso, com foco particular nos ingressantes na Universidade”, afirma Segurado.

As propostas a serem apoiadas pelo PAP-Tutoria são formuladas pelas Comissões de Graduação das Unidades ou pelas Comissões Coordenadoras de Cursos, a partir da identificação de suas necessidades prioritárias. Ao todo, a Pró-Reitoria de Graduação investirá quase R$ 450 mil nesta edição do programa.

* Estagiária sob supervisão de Erika Yamamoto


Política de uso 
A reprodução de matérias e fotografias é livre mediante a citação do Jornal da USP e do autor. No caso dos arquivos de áudio, deverão constar dos créditos a Rádio USP e, em sendo explicitados, os autores. Para uso de arquivos de vídeo, esses créditos deverão mencionar a TV USP e, caso estejam explicitados, os autores. Fotos devem ser creditadas como USP Imagens e o nome do fotógrafo.