O pró-reitor de Pós-Graduação, Marcio Castro Silva Filho, durante a entrega do Prêmio Tese Destaque USP 2022 - Foto: Cecília Bastos/USP Imagens

3º Encontro da Pós-Graduação debate os desafios da área em um mundo em transformação

Com premiações e destaque para internacionalização, o evento ocorreu na Cidade Universitária nos dias 21, 22 e 23 de novembro

 25/11/2022 - Publicado há 2 meses  Atualizado: 05/12/2022 as 15:53

Texto: Ingrid Gonzaga e João Pedro Abdo

Entre os dias 21 e 23 de novembro, a Pró-Reitoria de Pós-Graduação (PRPG) promoveu a terceira edição do Encontro da Pós-Graduação da USP. A programação do evento ofereceu palestras e atividades que abordaram temas como políticas afirmativas e de inclusão, oportunidades profissionais fora da academia e o impacto dos Objetivos do Desenvolvimento Sustentável (ODS) e da Agenda 2030 na pós-graduação.

O encontro também teve um dia inteiramente dedicado ao USP PrInt, que integra o Programa Institucional de Internacionalização (PrInt), criado pela Coordenadoria de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes) em 2018. A programação especial reuniu estandes de universidades internacionais parceiras e contou com a presença do reitor Carlos Gilberto Carlotti Junior.

A terceira edição do Encontro foi realizada na Cidade Universitária, entre os dias 21 e 23 de novembro - Foto: Cecília Bastos/USP Imagens

Premiando pesquisas de destaque

No segundo dia de encontro, houve a cerimônia de entrega do Prêmio Tese Destaque USP, do Prêmio Vídeo Pós-Graduação USP e do Prêmio Vídeo Pós-Graduação USP Ciclo 22, um prêmio especialmente direcionado às pesquisas em torno do bicentenário da Independência e do centenário da Semana de Arte de 1922. 

“Vocês todos nos honram com a sua dedicação e o seu empenho, e a USP deve sempre reconhecer o talento de vocês. Hoje é uma tarde que mescla ciência e cultura”, disse Silva. O pró-reitor ainda parabenizou todos os docentes, discentes e servidores que trabalham para manter a excelência da Universidade.

O Prêmio Tese Destaque USP, por sua vez, está na décima primeira edição e é uma parceria da Universidade com o Santander. A premiação reconhece teses de doutorado defendidas na USP em catorze grandes áreas do saber. Este ano, foram 37 teses laureadas entre prêmios e menções honrosas. (Conheça os vencedores do Prêmio Tese Destaque USP.) 

Pró-reitor de Pós-Graduação Marcio Castro Silva Junior, durante o evento - Foto: Cecília Bastos/USP Imagens

Realizada em parceria com a TV Cultura, a quarta edição do Prêmio Vídeo Pós-Graduação USP tem como objetivo reconhecer as melhores apresentações em vídeos de projetos de pesquisa desenvolvidos por alunos da Pós-Graduação da USP. Este ano, foram 30 prêmios e menções honrosas distribuídos em 10 grandes áreas do saber. (Conheça os vencedores do Prêmio Vídeo Pós-Graduação USP.)

A cerimônia de entrega do Prêmio Tese Destaque USP contou com uma apresentação da Osusp - Foto: Cecília Bastos/USP Imagens

Neste ano, também houve uma categoria especial que premiou pesquisas de mestrado e doutorado que trataram de temas relacionados ao período da Independência do Brasil e ao do modernismo, que completam 200 e 100 anos, respectivamente, em 2022. Foram concedidos dois prêmios e uma menção honrosa às teses escolhidas na categoria Ciclo 22. (Conheça os vencedores do Prêmio Vídeo Pós-Graduação USP Ciclo 22.)

A cerimônia de premiação foi prestigiada com um concerto da Orquestra Sinfônica da USP (Osusp). Sob a regência do maestro Gil Jardim, a Osusp apresentou três movimentos da Holberg Suite, do compositor norueguês Edvard Grieg, e a Sinfonietta nº 1, de Heitor Villa-Lobos.

A internacionalização na pós

O dia 23, último dia do Encontro da Pós-Graduação, começou com a abertura do PrInt Day. Idealizado pela Capes, o PrInt é um programa que visa promover a internacionalização da Pós-Graduação nas universidades brasileiras e, na USP, ele é coordenado pela PRPG.

O reitor Carlos Gilberto Carlotti Júnior ressaltou que a internacionalização é uma ferramenta importante para melhorar o nível da pós-graduação da USP. “Ainda podemos desenvolver o Brasil em relação à formação, em relação à ciência. Se nós tivermos maior contato com outros países e universidades, vamos agilizar as mudanças que precisamos fazer aqui no País. Também há muitos benefícios individuais quando você faz uma mobilidade”, afirmou o reitor, dando como exemplo sua própria experiência acadêmica internacional.

“É importante entendermos esse mundo internacional. Estamos em um tempo em que não há mais barreiras no conhecimento, quase não temos mais barreiras entre países, o conhecimento está universalizado”, explicou Carlotti, que finalizou seu discurso desejando a continuidade do programa oferecido pelo Capes.

[A partir da esquerda] Carlos Gilberto Carlotti Junior, Marcio Castro Silva Filho, Vanessa Fernandes de Araujo Vargas e Sergio Persival Baroncini Proença abriram o PrInt Day - Foto: Marcos Santos/USP Imagens

No mesmo tom que Carlotti, o pró-reitor de Pós-Graduação, Marcio de Castro Silva Filho, colocou a internacionalização promovida pelo PrInt como um vetor na busca da excelência na Universidade. “O mundo está cada vez mais sem fronteiras e essas associações [entre a USP e instituições estrangeiras] permitem, inclusive, a solução de problemas globais que estamos enfrentando agora”, concluiu. Silva também fez questão de agradecer a presença de representantes de várias universidades no evento.

O presidente da Agência USP de Cooperação Acadêmica Nacional e Internacional (Aucani), Sergio Persival Baroncini Proença, considerou o programa uma das “pedras preciosas” da Universidade. “Esse encontro é realmente excepcional, é uma atividade de alto nível em termos de movimentação de pesquisa, relações internacionais e participação de estudantes em atividades conjuntas”, elogiou.

O evento seguiu com mais atividades com as universidades internacionais parceiras da USP e contou, também, com a participação de agências de fomento brasileiras, como a Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (Fapesp), e estrangeiras, como a Sociedade Alemã de Amparo à Pesquisa (DFG) e o Serviço Alemão de Intercâmbio Acadêmico (DAAD).


Política de uso 
A reprodução de matérias e fotografias é livre mediante a citação do Jornal da USP e do autor. No caso dos arquivos de áudio, deverão constar dos créditos a Rádio USP e, em sendo explicitados, os autores. Para uso de arquivos de vídeo, esses créditos deverão mencionar a TV USP e, caso estejam explicitados, os autores. Fotos devem ser creditadas como USP Imagens e o nome do fotógrafo.