Jornalismo ligado a propostas ajuda a construir sociedade

Nova edição da revista “Estudos Avançados” traz caminhos para mudar a realidade política

  • 11
  •  
  •  
  •  
  •  

jorusp

A 92ª edição da revista Estudos Avançados, produzida pelo Instituto de Estudos Avançados (IEA) da USP, tem como tema principal a política. A publicação coloca um questionamento diante da nossa realidade brasileira atual: Como salvar a política? Jacques Marcovitch, professor de Economia da Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade (FEA) da USP e um dos autores da revista, falou sobre a edição.

Jacques Marcovitch explica que esse tema foi escolhido justamente pelo momento atual: o Brasil decide, mais uma vez, seu futuro nas eleições deste ano. Ele comenta seu artigo, Como salvar a política?, que procura se centrar em quatro pontos. O primeiro é a governança dos partidos políticos. Hoje se cobra uma melhor governança das instituições sociais, que não se estende aos partidos. A proposta é que eles sejam submetidos à lei de acesso à informação, possibilitando saber como são escolhidos seus dirigentes, sua gestão, etc. O segundo ponto se concentra na mídia. Para o autor, temos uma mídia que tem contribuído na discussão de grandes temas nacionais nos últimos anos, se tornando investigativa e competente, mas de poucas proposições. O que se propõe nessa abordagem é o noticiário construtivo, que preserve o jornalismo investigativo, mas sempre acompanhado de propostas construtivas, para que o eleitor possa encontrar a esperança de um mundo melhor.

O artigo relaciona, ainda, a sociedade civil e as universidades: elas é que são e devem se tornar cada vez mais uma plataforma de diálogo. As universidades devem ser um lugar de convívio, de confronto de ideias, mas também de construção de consensos. Por fim, a publicação também engloba a eleição de 2018. Jacques Marcovitch esclarece que devemos ter uma pauta mínima que abarque a implementação de políticas públicas, a educação, o equilíbrio das contas previdenciárias, o reforço da nossa infraestrutura social e econômica, que é necessário para a reconstrução de uma agenda nacional que o Brasil tanto precisa.

A edição nº 92 da publicação pode ser lida no site de Revistas USP.

Jornal da USP no Ar, uma parceria do Instituto de Estudos Avançados, Faculdade de Medicina e Rádio USP, busca aprofundar temas nacionais e internacionais de maior repercussão e é veiculado de segunda a sexta-feira, das 7h30 às 9h30, com apresentação de Roxane Ré.

Você pode sintonizar a Rádio USP em São Paulo FM 93,7, em Ribeirão Preto FM 107,9, pela internet em www.jornal.usp.br ou pelo aplicativo no celular. Você pode ouvir a entrevista completa no player acima.

  • 11
  •  
  •  
  •  
  •  

Textos relacionados