Durante a crise, governo tem que pensar em ações que estão fora do seu cotidiano

Essas ações são necessárias, pois não se sabe qual será o impacto da pandemia na economia em 2020 nem em 2021 

Na coluna Reflexão Econômica desta semana, o professor Luciano Nakabashi fala sobre a piora nas expectativas em relação ao crescimento da economia brasileira, que foi ajustada de forma rápida na última semana. Para o professor, isso aconteceu em função da força e da facilidade da disseminação do coronavírus, não só no Brasil, mas nos outros países de forma geral. 

Houve a parada de algumas atividades, redução de aglomeração, pessoas não comprando nem utilizando serviços, o que levou alguns analistas a prever um crescimento menor em 2021. “Não sabemos muito bem a extensão dessa pandemia, no sentido de espaço de tempo, e de quantas pessoas serão infectadas ao redor do mundo”, lembra o professor. 

Sobre o que deve ser feito, o professor diz que, em primeiro lugar, tem que haver sincronia entre os governos federal e estaduais, para se encontrar soluções o mais rápido possível para esse momento atípico que estamos vivendo. “Precisa baixar mais os juros e os bancos públicos, principalmente, precisam ter uma política de fornecimento de capital de giro, pois várias empresas já estão com redução de demanda.” 

Nakabashi alerta que os pequenos e microempresários, além do setor informal e trabalhadores que perderão seus empregos, terão uma queda muito acentuada da renda. Por isso, é o momento de oferecer capital de giro com taxa de juro zero e uma ajuda maior que R$ 200,00 para, literalmente, colocar dinheiro nas mãos das pessoas por um tempo maior. “Seria bom que os bancos privados também participassem dessa iniciativa.”

O professor diz ainda que é o momento de todos fazerem sua parte, ou ajudando o vizinho que está com dificuldade de fazer compras, ou pagando a faxineira que não pode trabalhar . “Esse é o momento de estarmos unidos como nação, ajudando de diversas formas possíveis, e ao governo cabe coordenar as decisões de auxiliar as empresas, principalmente as pequenas e micros. Estamos passando por um momento atípico, temos que pensar em soluções que estão fora do cotidiano das ações do governo.”  

Ouça na íntegra a coluna Reflexão Econômica no player acima.


Reflexão Econômica
A coluna Reflexão Econômica, com o professor Luciano Nakabashi, vai ao ar toda quarta-feira às 9h00, na Rádio USP (São Paulo 93,7 FM; Ribeirão Preto 107,9 FM) e também no Youtube, com produção do Jornal da USP e TV USP.

.

.

.


Política de uso 
A reprodução de matérias e fotografias é livre mediante a citação do Jornal da USP e do autor. No caso dos arquivos de áudio, deverão constar dos créditos a Rádio USP e, em sendo explicitados, os autores. Para uso de arquivos de vídeo, esses créditos deverão mencionar a TV USP e, caso estejam explicitados, os autores. Fotos devem ser creditadas como USP Imagens e o nome do fotógrafo.