Mapa da Saúde Mental na USP

Setembro Amarelo é uma campanha nacional de prevenção ao suicídio. Durante todo o mês e também em outras ocasiões, o Jornal da USP entrevistou especialistas, divulgou iniciativas e publicou artigos sobre o assunto sob os mais variados enfoques.

Pensando em sua numerosa comunidade de alunos, funcionários e docentes, organizamos um mapa da saúde mental na Universidade, reunindo serviços na USP que trabalham o tema e oferecem apoio e atendimento especializado.

A proposta é facilitar a busca de locais nos diversos campi que ofereçam esse tipo de ajuda. Muitos destes serviços são abertos também à população em geral.

Todas as iniciativas aqui listadas são gratuitas, contam com coordenação profissional e ocorrem de forma contínua – por isso programações e projetos pontuais não foram incluídos. 

Essa página poderá ser atualizada com a contribuição dos próprios leitores por meio do formulário disponibilizado abaixo. 

TABLET

Encontre serviços nos campi da usp

Clique nos títulos para mais informações

São Paulo

Descrição: ligado à Reitoria da USP, o escritório oferece acolhimento psicológico, voltado para orientação e prevenção, feito por terapeutas formados. Para agendar uma consulta é necessário mandar e-mail para escritoriodesaudemental@usp.br    informando o número USP, unidade a que pertence e os dias e horários que tem disponibilidade. Caso necessário, o paciente pode ser encaminhado para outro local

Público-alvo: somente alunos de graduação e de pós-graduação da USP e intercambistas

Onde e quando: os atendimentos são feitos na sede do escritório, localizado na Superintendência de Assistência Social (SAS) da USP – Rua do Anfiteatro, 295, Cidade Universitária. Os horários de atendimento se adequam à necessidade do aluno e a disponibilidade do terapeuta

Contato: além do e-mail e do contato presencial, o estudante pode conseguir mais informações pelo número (11) 3091-0118

Descrição: esse centro da Faculdade de Saúde Pública (FSP) funciona como uma Unidade de Saúde Básica, a partir de um convênio com a Prefeitura. É possível marcar consultas com psiquiatras ou psicólogos. O centro possui um projeto com práticas integrativas complementares, como yoga, meditação e geoterapia. Essas práticas são realizadas quinzenalmente, nas quartas-feiras, às 9 horas

Público-alvo: o centro atende tanto pessoas dos distritos de Pinheiros e Jardim Paulista, como a comunidade USP do quadrilátero Saúde-Direito, que envolve a Escola de Enfermagem, Faculdade de Direito, Faculdade de Medicina, Faculdade de Saúde Pública e o Instituto de Medicina Tropical. Apesar de atender a comunidade externa em consultas psicológicas e psiquiátricas, não realiza tratamentos para a comunidade USP. Normalmente esse público recebe acolhimento no local e é encaminhado para outros lugares. Psicólogos da Uninove, instituição parceira do centro, são alguns dos profissionais que recebem essa demanda. Já as práticas integrativas complementares são abertas a toda a comunidade USP, mas algumas necessitam de inscrição

Onde e quando: o centro funciona das 7 às 19 horas. O agendamento de consultas pode é feito no próprio local. O endereço é  Av. Dr. Arnaldo, 925.

Contato: (11) 3061-7721

Descrição: o serviço faz parte do Centro Escola do Instituto de Psicologia (Ceip), localizado no bloco D do instituto. São realizados pronto-atendimentos psicológicos por alunos de graduação e, eventualmente, pós-graduação

Público-alvo: geral

Onde e quando: os atendimentos são feitos no Ceip (Av. Prof. Mello Moraes, 1721, Cidade Universitária) todas as terças-feiras, com inscrições entre 16 horas e 17h30 e atendimentos no mesmo dia, a partir das 17 horashoras.

Contato: (11) 3091-4258, email lefe@usp.br

Descrição: o serviço do Centro Escola do Instituto de Psicologia (Ceip) oferece atendimento psicológico. O agendamento, em geral, é feito por um graduando do curso que realiza a atividade sob orientação. A inscrição pode ser feita no próprio local, das 8 às 11 horas e das 14 às 16 horas. É necessário preencher uma ficha para entrar na fila de espera 

Público-alvo: geral

Onde e quando: os atendimentos são feitos no próprio Ceip (Av. Prof. Mello de Morais, 1721, Cidade Universitária). De acordo com instituto, levando em conta o funcionamento do prédio, é possível encaixar os atendimentos em qualquer dia e horário. Os agendamentos só podem ser feitos pessoalmente

Contato: (11) 3091-5015

Descrição: o Hospital Universitário (HU) realiza o agendamento de consultas com um psiquiatra

Público-alvosomente comunidade USP e moradores do Distrito de Saúde Butantã. No entanto, para marcar uma consulta é necessário ter um cadastro, que pode ser feito nos dias úteis das 7 às 18 horas. Mais informações sobre esse cadastro neste site.

Onde e quando: o HU está localizado na Av. Prof. Lineu Prestes, 2565, Cidade Universitária, e o agendamento pode ser feito online neste site.

Contato: (11) 3091-9200

Descrição: pertencente à Faculdade de Medicina da USP (FMUSP), oferece atendimentos individuais psiquiátricos e psicológicos. Há dois profissionais de cada área. Existe lista de espera de aproximadamente oito meses para consulta psicológica. Consultas psiquiátricas tendem a ser agendadas mais rapidamente
 
Público-alvo: oferecido apenas para estudantes da graduação e residentes da FMUSP, incluindo alunos da graduação do Departamento de Fisioterapia, Fonoaudiologia e Terapia Ocupacional (Fofito).
 
Onde e quando: as consultas são realizadas no Prédio da FMUSP (Av. Dr. Arnaldo, 455) no segundo andar, de segunda a sexta, em horários variáveis entre 7h30 e 18 horas.
 
Contato: Os atendimentos podem ser marcados pelos telefones (11) 3061-7235, (11) 98744-0393. Neste último, o agendamento também pode ser feito pelo WhatsApp.

Descrição: localizada no Instituto de Ciências Biomédicas (ICB), o projeto disponibiliza uma psicóloga de fora da USP e uma psicanalista. Se necessário os pacientes também podem ser encaminhados para outro local. O projeto organiza eventos e cursos sobre o tema 

Público-alvo: somente a comunidade do ICB (alunos, docentes e funcionários)

Onde e quando: os atendimentos ocorrem no próprio instituto – Av. Prof. Lineu Prestes, 1374, Cidade Universitária. Os horários variam de acordo com a disponibilidade das psicólogas

Contato: e-mail cac_icb@icb.usp.br

Descrição: a Unidade Básica de Assistência à Saúde da Escola de Artes, Ciências e Humanidades da USP (EACH) possui uma psicóloga para atendimento, mas ela está no momento de licença médica sem previsão de retorno.

Público-alvo: somente comunidade USP-EACH

Onde e quando: A unidade é localizada no Prédio M5 e seu funcionamento é das 8h às 17h, de segunda a sexta-feira. O campus está localizado na rua Arlindo Béttio, 1000 – Vila Guaraciaba

Contato: (11) 2648-0033

Descrição: o projeto atua dentro do Instituto de Psiquiatria (IPq) do Hospital das Clínicas, em um setor de pesquisa sobre esquizofrenia. É oferecido tratamento psiquiátrico e/ou terapêutico para quem apresenta sintomas prévios que possam levar a quadros psicóticos. O paciente se inscreve no projeto por e-mail ou WhatsApp e, caso se encaixe nas características, passa por tratamento que dura cerca de dois anos. Caso não se encaixe, o paciente pode ser encaminhado para outro local, ou recebe um direcionamento sobre quem procurar

Público-alvo: interessados que tiverem entre 14 e 30 anos

Onde e quando: o tratamento ocorre no próprio IPq, Rua Dr. Ovídio Pires de Campos, 785, nas terças e quintas das 9 às 17 horas

Contato: (11) 98582-0800 / sas.sp@terra.com.br

Descrição: o projeto organizado pela Faculdade de Odontologia não é exclusivamente voltado à saúde mental. A ideia é que os alunos possam escolher alguém com que tenham maior identificação para ser seu tutor. Nessa atividade, o estudante é auxiliado em diversos problemas relacionados à faculdade, desde questões administrativas até psicossociais. Entre os tutores que se voluntariaram, estão professores, assistentes sociais e psicólogos. Esses dois últimos também trabalham na orientação de docentes que estejam exercendo a função de tutor. Alguns casos recebem encaminhamento ou direcionamento. Para participar, basta procurar o professor desejado e ver se ele tem disponibilidade para tal, ou entrar em contato com o Centro Acadêmico que integra o projeto. O aluno também pode preencher uma ficha no site da instituição.

Público-alvo: somente alunos de graduação e pós-graduação.

Onde e quando: as conversas são informais e normalmente ocorrem na própria faculdade, localizada na rua Dr. Ovídio Pires de Campos, 785. Os horários dependem da disponibilidade dos dois envolvidos (tutor e aluno)

Contato: e-mail cgfo@usp.br ou pelo telefone (11) 3091-7819

Descrição: o projeto é do Grêmio Politécnico, da Escola Politécnica (Poli). São organizadas terapias em grupo quinzenalmente com uma psicóloga voluntária. Além disso, ocorrem eventos e palestras sobre o assunto e também é disponibilizada para os alunos uma planilha com contatos de psicólogos que atendem gratuitamente ou com um preço acessível. A Poli também oferece cursos na cidade de Santos. Para a comunidade desse campus, são feitas mensalmente sessões de terapia em grupo pela ferramenta de conferência online Hangouts.

Público-alvo: somente comunidade USP

Onde e quando: as terapias ocorrem nas segundas-feiras, às 11 horas. O local muda constantemente, então é necessário consultar os organizadores para mais informações

Contato: página do Facebook do Grêmio ou pelo número (11) 3091-5777

Descrição: o Centro Acadêmico da Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia (FMVZ) desenvolve sessões quinzenais de terapia em grupo, coordenada por uma psicóloga contratada. Para participar, basta comparecer ao local no dia e horário do atendimento. Os temas de discussão são escolhidos na sessão anterior

Público-alvo: principalmente comunidade FMVZ

Onde e quando: os encontros ocorrem em uma sala na própria faculdade – Av. Prof. Orlando Marques de Paiva, 87, Cidade Universitária –  em terças e quintas-feiras alternadas, das 12h30 às 14 horas

Contato: (11) 99759-6773

São Carlos

Descrição: o grupo do Instituto de Ciências Matemáticas e de Computação (ICMC) tem uma estagiária de psicologia que realiza acolhimento e encaminhamento psicológico. É possível participar de grupos focais de discussão sobre a temática e frequentar eventos sobre o assunto

Público-Alvo: comunidade do ICMC ( funcionários, docentes e alunos)

Onde e Quando: o acolhimento é feito no próprio instituto, na sala 4-008, do bloco 4. Os horários mudam de acordo com o semestre. A estagiária no momento é a Giuliana Mazota, e sua disponibilidade é: às segundas, das 8 às 12 horas; terças, das 16 às 18 horas; quartas, das 10 às 12 horas; e às quintas, das 10 às 12 horas e das 16 às 18 horas. Uma sinalização na porta informa se ela já estiver em atendimento

Contato: A princípio a pessoa pode só se direcionar ao local. No entanto, também é possível o contato pelo gapsi@icmc.usp.br, para mais informações ou agendamento de conversas

Descrição: o projeto é da Escola de Engenharia de São Carlos (EESC) da USP que visa a promoção do bem-estar e da saúde mental. A partir de outubro ocorrerão práticas de meditação abertas ao público. Além disso, foram oferecidos cursos de introdução à meditação e de práticas de yoga, com 30 vagas cada, sendo 70% delas reservadas para os alunos da faculdade. Novas aulas estão previstas para o próximo semestre

Público-alvo: comunidade EESC e USP

Onde e quando: A prática de meditação ocorre a partir do dia 3 de outubro, todas as quartas-feiras, das 7h15 às 8 horas no ginásio do Centro de Educação Física, Esportes e Recreação (Cefer)

Contato: e-mail  bemestar@eesc.usp.br

Descrição: a Unidade Básica de Assistência à Saúde do Campus de São Carlos possui atendimento psiquiátrico, porém no momento está com todos os agendamentos lotados. Estão previstos novos agendamentos ainda para setembro. Para mais informações entrar em contato com o local

Público-alvo: somente comunidade USP São Carlos

Onde e quando: localizada na R. Miguel Petroni, 180-212 – Jardim Bandeirantes. Seu funcionamento é das 7h45 às 17 horas 

Contato: (16) 3373-9197

Descrição: desenvolvido pela psicóloga Bárbara Kolstok Monteiro, o projeto envolve palestras sobre temas como ansiedade, depressão, estresse, relacionamento interpessoal e habilidades sociais, além de orientações, acolhimento e atendimentos (por enquanto apenas individuais, mas em breve devem ser realizados atendimentos em grupo também).

A psicóloga também se reúne com assistentes sociais do campus e comissões de docentes sobre estratégias para lidar com diferentes problemas ligados à saúde mental. O trabalho tem a colaboração da Secretaria da Diretoria do IFSC. 

Os horários de atendimento devem ser combinados diretamente com a profissional.

Público-alvo: comunidade IFSC

Contato: bakolstok@gmail.com

Ribeirão Preto

Descrição: o serviço da Prefeitura do Campus de Ribeirão Preto oferece atendimento psicológico e reorientação vocacional. Os atendimentos podem ser individuais ou em grupo. São dois psicólogos trabalhando no local, auxiliados por estagiários. O local também oferece encaminhamento para outros serviços se necessário

Público-Alvo: graduandos e servidores do campus

Onde e quando:o agendamento de consultas é presencial e ocorre no primeiro dia de aula de cada semestre, na casa 32 da Rua Clóvis Vieira. Os horários dependem da disponibilidade dos psicólogos

Contato: (16) 3315-3494 e e-mail copi.pc@usp.br

Descrição: A Unidade Básica de Assistência à Saúde do Campus de Ribeirão Preto não tem nenhum tipo de atendimento psicológico ou psiquiátrico. No entanto, o local possui uma parceria com a São Francisco Saúde. Professores ou funcionários da USP que tiverem algum tipo de problema deste tipo podem procurar a UBAS mesmo assim que serão encaminhados para algum local a região que seja desse convênio como o Hospital São Francisco.

Onde e quando:Rua Pedreira de Freitas, casa 14. O horário de funcionamento é das 7 às 17 horas.​

Contato: (16) 3315-3539 / 3315-3614

Descrição: o projeto é organizado pelo professor Cristiano Barreira, diretor da Escola de Educação Física e Esporte de Ribeirão Preto (EEFERP). O plantão psicológico é realizado por alunos de pós-graduação da Psicologia. O próprio Barreira tem especialidade na área também.

Público-alvo: somente comunidade EEFERP

Onde e quando: o plantão ocorre em uma sala na própria faculdade – Av. Bandeirantes, 3900. Os dias e horários dependem da disponibilidade dos psicólogos. Atualmente o serviço é disponibilizado esporadicamente. O próximo plantão está previsto para novembro e durará cerca de um mês, com atendimentos de duas a três vezes por semana.

Contatothabata@gmail.com / (16) 3315.8616

Lorena

Descrição: em um convênio com o Centro Universitário Unisal, a Escola de Engenharia de Lorena (EEL) oferece atendimento psicológico. Todo ano, um estagiário de psicologia do Unisal realiza o atendimento com supervisão de uma psicóloga. O tratamento dura em média três meses. Na primeira semana de aulas, o projeto é apresentado e os alunos recebem os contatos para agendar as consultas

Público-alvo: alunos de graduação e pós-graduação

Onde e quando: os atendimentos são feitos em uma sala no próprio campus (Estrada Municipal do Campinho) e os horários dependem da disponibilidade de quem faz o atendimento

Contato: e-mail maribarreto@usp.br ou (12) 3159-5069

Pirassununga

Descrição: a Unidade Básica de Assistência à Saúde do campus de Pirassununga oferece atendimento psiquiátrico. No momento, um profissional está fazendo os atendimentos. O agendamento pode ser feito por telefone ou presencialmente, mas necessita de um cadastro prévio. A Ubas funciona de segunda à sexta-feira, das 7 às 11 horas e das 13 às 17 horas

Público-alvo:  comunidade USP Pirassununga

Onde e quando:os agendamentos dependem da disponibilidade do profissional. O atendimento é realizado às segundas-feiras, no período da tarde, e de terça a quinta, pela manhã. O endereço é Av. Duque de Caxias Norte, 225

Contato: (19) 3565-4015 / 3565-6719

Piracicaba

Descrição: a Divisão de atendimento à Comunidade do Campus oferece um acolhimento psicológico. A princípio são realizados 4 encontros, mas caso necessário, o número pode aumentar. Atualmente uma psicóloga trabalha no local.

Público-Alvo: alunos de graduação e pós-Graduação

Onde e quando: as consultas são realizadas no prédio da Divisão de Atendimento à Comunidade. Os horários dependem da disponibilidade da psicóloga

Contato: para agendamento de consulta, é necessário preencher uma ficha presencialmente e aguardar até ser chamado. Mais informações pelo e-mail sociallq@usp.br

Descrição: a Unidade Básica de Assistência à Saúde do Campus de Piracicaba oferece atendimento psiquiátrico. Para agendamento de consultas é necessário fazer um cadastro no próprio centro médico.

Público-alvo: somente comunidade USP Piracicaba

Onde e quando: a unidade fica na Alameda dos Alecrins. O funcionamento é de segunda a sexta, das 8 às 17 horas 

Contato: e-mail ubaslq@usp.br e (19) 34294333

Santos

Descrição: o projeto é do Grêmio Politécnico, da Escola Politécnica (Poli). São organizadas terapias em grupo quinzenalmente com uma psicóloga voluntária. Além disso, ocorrem eventos e palestras sobre o assunto e também é disponibilizada para os alunos uma planilha com contatos de psicólogos que atendem gratuitamente ou com um preço acessível. A Poli também oferece cursos na cidade de Santos. Para a comunidade desse campus, são feitas mensalmente sessões de terapia em grupo pela ferramenta de conferência online Hangouts.

Público-alvo: somente comunidade USP

Onde e quando: as terapias ocorrem nas segundas-feiras, às 11 horas. O local muda constantemente, então é necessário consultar os organizadores para mais informações

Contato: página do Facebook do Grêmio ou pelo número (11) 3091-5777

Bauru

No momento, o campus não conta com nenhum serviço específico na área de saúde mental, mas há uma parceria com o Centro de Valorização da Vida (CVV), promovendo campanhas preventivas junto a alunos e funcionários.

Foi informado ao Jornal da USP que serviços voltados para essa área estão em fase de elaboração.

PC

Encontre serviços nos campi da USP

Clique nos títulos para mais informações

São Paulo

Descrição: ligado à Reitoria da USP, o escritório oferece acolhimento psicológico, voltado para orientação e prevenção, feito por terapeutas formados. Para agendar uma consulta é necessário mandar e-mail para escritoriodesaudemental@usp.br    informando o número USP, unidade a que pertence e os dias e horários que tem disponibilidade. Caso necessário, o paciente pode ser encaminhado para outro local

Público-alvo: somente alunos de graduação e de pós-graduação da USP e intercambistas

Onde e quando: os atendimentos são feitos na sede do escritório, localizado na Superintendência de Assistência Social (SAS) da USP – Rua do Anfiteatro, 295, Cidade Universitária. Os horários de atendimento se adequam à necessidade do aluno e a disponibilidade do terapeuta

Contato: além do e-mail e do contato presencial, o estudante pode conseguir mais informações pelo número (11) 3091-0118

Descrição: esse centro da Faculdade de Saúde Pública (FSP) funciona como uma Unidade de Saúde Básica, a partir de um convênio com a Prefeitura. É possível marcar consultas com psiquiatras ou psicólogos. O centro possui um projeto com práticas integrativas complementares, como yoga, meditação e geoterapia. Essas práticas são realizadas quinzenalmente, nas quartas-feiras, às 9 horas

Público-alvo: o centro atende tanto pessoas dos distritos de Pinheiros e Jardim Paulista, como a comunidade USP do quadrilátero Saúde-Direito, que envolve a Escola de Enfermagem, Faculdade de Direito, Faculdade de Medicina, Faculdade de Saúde Pública e o Instituto de Medicina Tropical. Apesar de atender a comunidade externa em consultas psicológicas e psiquiátricas, não realiza tratamentos para a comunidade USP. Normalmente esse público recebe acolhimento no local e é encaminhado para outros lugares. Psicólogos da Uninove, instituição parceira do centro, são alguns dos profissionais que recebem essa demanda. Já as práticas integrativas complementares são abertas a toda a comunidade USP, mas algumas necessitam de inscrição

Onde e quando: o centro funciona das 7 às 19 horas. O agendamento de consultas pode é feito no próprio local. O endereço é  Av. Dr. Arnaldo, 925.

Contato: (11) 3061-7721

Descrição: o Centro Escola do Instituto de Psicologia (Ceip) é responsável por organizar e coordenar os diversos serviços oferecidos pelo IP. Há plantão psicológico, serviço de psicologia escolar, de atenção à pessoa indígena, entre outros. 

Público-alvo: geral

Onde e quando: o Ceip fica na Av. Prof. Mello Moraes, 1721, na Cidade Universitária. Os horários específicos de atendimento de cada serviço podem ser acessados no site 

Contato: (11) 3091-5015, email ceip@usp.br

Descrição: o Hospital Universitário (HU) realiza o agendamento de consultas com um psiquiatra

Público-alvosomente comunidade USP e moradores do Distrito de Saúde Butantã. No entanto, para marcar uma consulta é necessário ter um cadastro, que pode ser feito nos dias úteis das 7 às 18 horas. Mais informações sobre esse cadastro neste site.

Onde e quando: o HU está localizado na Av. Prof. Lineu Prestes, 2565, Cidade Universitária, e o agendamento pode ser feito online neste site.

Contato: (11) 3091-9200

Descrição: pertencente à Faculdade de Medicina da USP (FMUSP), oferece atendimentos individuais psiquiátricos e psicológicos. Há dois profissionais de cada área. Existe lista de espera de aproximadamente oito meses para consulta psicológica. Consultas psiquiátricas tendem a ser agendadas mais rapidamente
 
Público-alvo: oferecido apenas para estudantes da graduação e residentes da FMUSP, incluindo alunos da graduação do Departamento de Fisioterapia, Fonoaudiologia e Terapia Ocupacional (Fofito).
 
Onde e quando: as consultas são realizadas no Prédio da FMUSP (Av. Dr. Arnaldo, 455) no segundo andar, de segunda a sexta, em horários variáveis entre 7h30 e 18 horas.
 
Contato: Os atendimentos podem ser marcados pelos telefones (11) 3061-7235, (11) 98744-0393. Neste último, o agendamento também pode ser feito pelo WhatsApp.

Descrição: localizada no Instituto de Ciências Biomédicas (ICB), o projeto disponibiliza uma psicóloga de fora da USP e uma psicanalista. Se necessário os pacientes também podem ser encaminhados para outro local. O projeto organiza eventos e cursos sobre o tema 

Público-alvo: somente a comunidade do ICB (alunos, docentes e funcionários)

Onde e quando: os atendimentos ocorrem no próprio instituto – Av. Prof. Lineu Prestes, 1374, Cidade Universitária. Os horários variam de acordo com a disponibilidade das psicólogas

Contato: e-mail cac_icb@icb.usp.br

Descrição: a Unidade Básica de Assistência à Saúde da Escola de Artes, Ciências e Humanidades da USP (EACH) possui uma psicóloga para atendimento, mas ela está no momento de licença médica sem previsão de retorno.

Público-alvo: somente comunidade USP-EACH

Onde e quando: A unidade é localizada no Prédio M5 e seu funcionamento é das 8h às 17h, de segunda a sexta-feira. O campus está localizado na rua Arlindo Béttio, 1000 – Vila Guaraciaba

Contato: (11) 2648-0033

Descrição: o projeto atua dentro do Instituto de Psiquiatria (IPq) do Hospital das Clínicas, em um setor de pesquisa sobre esquizofrenia. É oferecido tratamento psiquiátrico e/ou terapêutico para quem apresenta sintomas prévios que possam levar a quadros psicóticos. O paciente se inscreve no projeto por e-mail ou WhatsApp e, caso se encaixe nas características, passa por tratamento que dura cerca de dois anos. Caso não se encaixe, o paciente pode ser encaminhado para outro local, ou recebe um direcionamento sobre quem procurar

Público-alvo: interessados que tiverem entre 14 e 30 anos

Onde e quando: o tratamento ocorre no próprio IPq, Rua Dr. Ovídio Pires de Campos, 785, nas terças e quintas das 9 às 17 horas

Contato: (11) 98582-0800 / sas.sp@terra.com.br

Descrição: o projeto organizado pela Faculdade de Odontologia não é exclusivamente voltado à saúde mental. A ideia é que os alunos possam escolher alguém com que tenham maior identificação para ser seu tutor. Nessa atividade, o estudante é auxiliado em diversos problemas relacionados à faculdade, desde questões administrativas até psicossociais. Entre os tutores que se voluntariaram, estão professores, assistentes sociais e psicólogos. Esses dois últimos também trabalham na orientação de docentes que estejam exercendo a função de tutor. Alguns casos recebem encaminhamento ou direcionamento. Para participar, basta procurar o professor desejado e ver se ele tem disponibilidade para tal, ou entrar em contato com o Centro Acadêmico que integra o projeto. O aluno também pode preencher uma ficha no site da instituição.

Público-alvo: somente alunos de graduação e pós-graduação.

Onde e quando: as conversas são informais e normalmente ocorrem na própria faculdade, localizada na rua Dr. Ovídio Pires de Campos, 785. Os horários dependem da disponibilidade dos dois envolvidos (tutor e aluno)

Contato: e-mail cgfo@usp.br ou pelo telefone (11) 3091-7819

Descrição: o projeto é do Grêmio Politécnico, da Escola Politécnica (Poli). São organizadas terapias em grupo quinzenalmente com uma psicóloga voluntária. Além disso, ocorrem eventos e palestras sobre o assunto e também é disponibilizada para os alunos uma planilha com contatos de psicólogos que atendem gratuitamente ou com um preço acessível. A Poli também oferece cursos na cidade de Santos. Para a comunidade desse campus, são feitas mensalmente sessões de terapia em grupo pela ferramenta de conferência online Hangouts.

Público-alvo: somente comunidade USP

Onde e quando: as terapias ocorrem nas segundas-feiras, às 11 horas. O local muda constantemente, então é necessário consultar os organizadores para mais informações

Contato: página do Facebook do Grêmio ou pelo número (11) 3091-5777

Descrição: o Centro Acadêmico da Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia (FMVZ) desenvolve sessões quinzenais de terapia em grupo, coordenada por uma psicóloga contratada. Para participar, basta comparecer ao local no dia e horário do atendimento. Os temas de discussão são escolhidos na sessão anterior

Público-alvo: principalmente comunidade FMVZ

Onde e quando: os encontros ocorrem em uma sala na própria faculdade – Av. Prof. Orlando Marques de Paiva, 87, Cidade Universitária –  em terças e quintas-feiras alternadas, das 12h30 às 14 horas

Contato: (11) 99759-6773

Lorena

Descrição: em um convênio com o Centro Universitário Unisal, a Escola de Engenharia de Lorena (EEL) oferece atendimento psicológico. Todo ano, um estagiário de psicologia do Unisal realiza o atendimento com supervisão de uma psicóloga. O tratamento dura em média três meses. Na primeira semana de aulas, o projeto é apresentado e os alunos recebem os contatos para agendar as consultas

Público-alvo: alunos de graduação e pós-graduação

Onde e quando: os atendimentos são feitos em uma sala no próprio campus (Estrada Municipal do Campinho) e os horários dependem da disponibilidade de quem faz o atendimento

Contato: e-mail maribarreto@usp.br ou (12) 3159-5069

Pirassununga

Descrição: a Unidade Básica de Assistência à Saúde do campus de Pirassununga oferece atendimento psiquiátrico. No momento, um profissional está fazendo os atendimentos. O agendamento pode ser feito por telefone ou presencialmente, mas necessita de um cadastro prévio. A Ubas funciona de segunda à sexta-feira, das 7 às 11 horas e das 13 às 17 horas

Público-Alvo:  comunidade USP Pirassununga

Onde e quando:os agendamentos dependem da disponibilidade do profissional. O atendimento é realizado às segundas-feiras, no período da tarde, e de terça a quinta, pela manhã. O endereço é Av. Duque de Caxias Norte, 225

Contato: (19) 3565-4015 / 3565-6719

Piracicaba

Descrição: a Divisão de atendimento à Comunidade do Campus oferece um acolhimento psicológico. A princípio são realizados 4 encontros, mas caso necessário, o número pode aumentar. Atualmente uma psicóloga trabalha no local.

Público-Alvo: somente alunos de graduação e de pós-graduação

Onde e quando: as consultas são realizadas no prédio da Divisão de Atendimento à Comunidade (Alameda Principal – Agronomia). Os horários dependem da disponibilidade da psicóloga

Contato: para agendamento de consulta, é necessário preencher uma ficha presencialmente e aguardar até ser chamado. Mais informações pelo e-mail sociallq@usp.br

Descrição: a Unidade Básica de Assistência à Saúde do Campus de Piracicaba oferece atendimento psiquiátrico. Para agendamento de consultas é necessário fazer um cadastro no próprio centro médico.

Público-Alvo: somente comunidade USP Piracicaba

Onde e quando: a unidade fica na Alameda dos Alecrins. O funcionamento é de segunda a sexta, das 8 às 17 horas 

Contato:e-mail ubaslq@usp.br e (19) 34294333

Descrição: projeto é coordenado pela professora Silvia Maria Guerra Molina e oferece terapias em grupo presenciais por meio do desenho de mandalas, de exercícios de imaginação ativa e até da discussão de sonhos. Esse trabalho ajuda no processo de autoconhecimento, contribuindo para lidar com questões individuais e de grupo. A base teórica para o projeto é principalmente jungiana.

A professora disponibiliza 40 vagas, formando 4 grupos de 10 pessoas. Cada grupo faz a as atividades – que duram 2 horas – em um horário diferente. Apesar de ser do Departamento de Genética, a professora tem especializações em psicologia e conta com a supervisão e auxílio de uma psicóloga e de uma assistente social. O projeto manda por e-mail dois convites ao longo do ano para os interessados em participar de suas atividades. Quem se inscrever entra em uma lista de espera

Público-alvo: principalmente alunos de graduação e pós-graduação da USP Piracicaba

Onde e quando: O projeto ocorre em algumas salas da Divisão de Atendimento à Comunidade (Alameda Principal – Agronomia). Os horários são esses: quartas-feiras das 9h30 às 11h30; das 14h15 às 16h15; e das 16h30 às 18h30; e nas quintas feiras das 10 às 12 horas

Contatodvatcom.lq@usp.br / silviamgmolina@usp.br

São Carlos

Descrição: o grupo do Instituto de Ciências Matemáticas e de Computação (ICMC) tem uma estagiária de psicologia que realiza acolhimento e encaminhamento psicológico. É possível participar de grupos focais de discussão sobre a temática e frequentar eventos sobre o assunto

Público-Alvo: comunidade do ICMC ( funcionários, docentes e alunos)

Onde e Quando: o acolhimento é feito no próprio instituto, na sala 4-008, do bloco 4. Os horários mudam de acordo com o semestre. A estagiária no momento é a Giuliana Mazota, e sua disponibilidade é: às segundas, das 8 às 12 horas; terças, das 16 às 18 horas; quartas, das 10 às 12 horas; e às quintas, das 10 às 12 horas e das 16 às 18 horas. Uma sinalização na porta informa se ela já estiver em atendimento

Contato: A princípio a pessoa pode só se direcionar ao local. No entanto, também é possível o contato pelo gapsi@icmc.usp.br, para mais informações ou agendamento de conversas

Descrição: o projeto é da Escola de Engenharia de São Carlos (EESC) da USP que visa a promoção do bem-estar e da saúde mental. A partir de outubro ocorrerão práticas de meditação abertas ao público. Além disso, foram oferecidos cursos de introdução à meditação e de práticas de yoga, com 30 vagas cada, sendo 70% delas reservadas para os alunos da faculdade. Novas aulas estão previstas para o próximo semestre

Público-Alvo: comunidade EESC e USP

Onde e Quando: A prática de meditação ocorre a partir do dia 3 de outubro, todas as quartas-feiras, das 7h15 às 8 horas no ginásio do Centro de Educação Física, Esportes e Recreação (Cefer)

Contato: e-mail  bemestar@eesc.usp.br

Descrição: a Unidade Básica de Assistência à Saúde do Campus de São Carlos possui atendimento psiquiátrico, porém no momento está com todos os agendamentos lotados. Estão previstos novos agendamentos ainda para setembro. Para mais informações entrar em contato com o local

Público-alvo: Comunidade USP São Carlos

Onde e quando: Localizada na R. Miguel Petroni, 180-212 – Jardim Bandeirantes. Seu funcionamento é das 7h45 às 17 horas 

Contato: (16) 3373-9197

Descrição: desenvolvido pela psicóloga Bárbara Kolstok Monteiro, o projeto envolve palestras sobre temas como ansiedade, depressão, estresse, relacionamento interpessoal e habilidades sociais, além de orientações, acolhimento e atendimentos (por enquanto apenas individuais, mas em breve devem ser realizados atendimentos em grupo também).

A psicóloga também se reúne com assistentes sociais do campus e comissões de docentes sobre estratégias para lidar com diferentes problemas ligados à saúde mental. O trabalho tem a colaboração da Secretaria da Diretoria do IFSC. 

Os horários de atendimento devem ser combinados diretamente com a profissional.

Público-alvo: comunidade IFSC

Contato: bakolstok@gmail.com

Ribeirão Preto

Descrição: o serviço da Prefeitura do Campus de Ribeirão Preto oferece atendimento psicológico e reorientação vocacional. Os atendimentos podem ser individuais ou em grupo. São dois psicólogos trabalhando no local, auxiliados por estagiários. O local também oferece encaminhamento para outros serviços se necessário

Público-Alvo: graduandos e servidores do campus

Onde e quando:o agendamento de consultas é presencial e ocorre no primeiro dia de aula de cada semestre, na casa 32 da Rua Clóvis Vieira. Os horários dependem da disponibilidade dos psicólogos

Contato: (16) 3315-3494 e e-mail copi.pc@usp.br

Descrição: A Unidade Básica de Assistência à Saúde do Campus de Ribeirão Preto não tem nenhum tipo de atendimento psicológico ou psiquiátrico. No entanto, o local possui uma parceria com a São Francisco Saúde. Professores ou funcionários da USP que tiverem algum tipo de problema deste tipo podem procurar a UBAS mesmo assim que serão encaminhados para algum local a região que seja desse convênio como o Hospital São Francisco.

Onde e quando:Rua Pedreira de Freitas, casa 14. O horário de funcionamento é das 7 às 17 horas.​

Contato: (16) 3315-3539 / 3315-3614

Descrição: o projeto é organizado pelo professor Cristiano Barreira, diretor da Escola de Educação Física e Esporte de Ribeirão Preto (EEFERP). O plantão psicológico é realizado por alunos de pós-graduação da Psicologia. O próprio Barreira tem especialidade na área também.

Público-alvo: somente comunidade EEFERP

Onde e quando: o plantão ocorre em uma sala na própria faculdade – Av. Bandeirantes, 3900. Os dias e horários dependem da disponibilidade dos psicólogos. Atualmente o serviço é disponibilizado esporadicamente. O próximo plantão está previsto para novembro e durará cerca de um mês, com atendimentos de duas a três vezes por semana.

Contato: thabata@gmail.com / (16) 3315.8616

Santos

Descrição: o projeto é do Grêmio Politécnico, da Escola Politécnica (Poli). São organizadas terapias em grupo quinzenalmente com uma psicóloga voluntária. Além disso, ocorrem eventos e palestras sobre o assunto e também é disponibilizada para os alunos uma planilha com contatos de psicólogos que atendem gratuitamente ou com um preço acessível. A Poli também oferece cursos na cidade de Santos. Para a comunidade desse campus, são feitas mensalmente sessões de terapia em grupo pela ferramenta de conferência online Hangouts.

Público-alvo: somente comunidade USP

Onde e quando: as terapias ocorrem nas segundas-feiras, às 11 horas. O local muda constantemente, então é necessário consultar os organizadores para mais informações

Contato: página do Facebook do Grêmio ou pelo número (11) 3091-5777

Bauru

No momento, o campus não conta com nenhum serviço específico na área de saúde mental, mas há uma parceria com o Centro de Valorização da Vida (CVV), promovendo campanhas preventivas junto a alunos e funcionários.

Foi informado ao Jornal da USP que serviços voltados para essa área estão em fase de elaboração.

CELULAR

Encontre serviços nos campi da USP

Clique nos títulos para mais informações

São Paulo

Descrição: ligado à Reitoria da USP, o escritório oferece acolhimento psicológico, voltado para orientação e prevenção, feito por terapeutas formados. Para agendar uma consulta é necessário mandar e-mail para escritoriodesaudemental@usp.br informando o número USP, unidade a que pertence e os dias e horários que tem disponibilidade. Caso necessário, o paciente pode ser encaminhado para outro local

Público-alvo: somente alunos de graduação e de pós-graduação da USP e intercambistas

Onde e quando: os atendimentos são feitos na sede do escritório, localizado na Superintendência de Assistência Social (SAS) – Rua do Anfiteatro, 295, Cidade Universitária. Os horários de atendimento se adequam à necessidade do aluno e a disponibilidade do terapeuta

Contato: além do e-mail e do contato presencial, o estudante pode conseguir mais informações pelo número (11) 3091-0118

Descrição: esse centro da Faculdade de Saúde Pública (FSP) funciona como uma Unidade de Saúde Básica, a partir de um convênio com a Prefeitura. É possível marcar consultas com psiquiatras ou psicólogos. O centro possui um projeto com práticas integrativas complementares, como yoga, meditação e geoterapia. Essas práticas são realizadas quinzenalmente, nas quartas feiras às 9 horas

Público-alvo: o centro atende tanto pessoas dos distritos de Pinheiros e Jardim Paulista, como a comunidade USP do quadrilátero Saúde-Direito, que envolve a Escola de Enfermagem, Faculdade de Direito, Faculdade de Medicina, Faculdade de Saúde Pública e o Instituto de Medicina Tropical. Apesar de atender a comunidade externa em consultas psicológicas e psiquiátricas, não realiza tratamentos para a comunidade USP. Normalmente esse público recebe um acolhimento no local e é encaminhado para outros lugares. Psicólogos da Uninove, instituição parceira do centro, são alguns dos profissionais que recebem essa demanda. Já as práticas integrativas complementares são abertas a toda a comunidade USP, mas algumas necessitam de inscrição

Onde e quando: o centro funciona das 7 às 19 horas. O agendamento de consultas pode é feito no próprio local. O endereço é  Av. Dr. Arnaldo, 925.

Contato: (11) 3061-7721

Descrição: o Centro Escola do Instituto de Psicologia (Ceip) é responsável por organizar e coordenar os diversos serviços oferecidos pelo IP. Há plantão psicológico, serviço de psicologia escolar, de atenção à pessoa indígena, entre outros. 

Público-alvo: geral

Onde e quando: o Ceip fica na Av. Prof. Mello Moraes, 1721, na Cidade Universitária. Os horários específicos de atendimento de cada serviço podem ser acessados no site 

Contato: (11) 3091-5015, email ceip@usp.br

Descrição: o Hospital Universitário (HU) realiza o agendamento de consultas com um psiquiatra

Público-alvo: somente comunidade USP e moradores do Distrito de Saúde Butantã. No entanto, para marcar uma consulta é necessário ter um cadastro, que pode ser feito nos dias úteis das 7 às 18 horas. Mais informações sobre esse cadastro neste site.

Onde e quando: O HU está localizado na Av. Prof. Lineu Prestes, 2565, Cidade Universitária, e o agendamento pode ser feito online neste site.

Contato: (11) 3091 9200

Descrição: pertencente à Faculdade de Medicina da USP (FMUSP), oferece atendimentos individuais psiquiátricos e psicológicos. Há dois profissionais de cada área. Existe lista de espera de aproximadamente oito meses para consulta psicológica. Consultas psiquiátricas tendem a ser agendadas mais rapidamente
 
Público-alvo: oferecido apenas para estudantes da graduação e residentes da FMUSP, incluindo alunos da graduação do Departamento de Fisioterapia, Fonoaudiologia e Terapia Ocupacional (Fofito).
 
Onde e quando: as consultas são realizadas no Prédio da FMUSP (Av. Dr. Arnaldo, 455) no segundo andar, de segunda a sexta, em horários variáveis entre 7h30 e 18 horas.
 
Contato: Os atendimentos podem ser marcados pelos telefones (11) 3061-7235, (11) 98744-0393. Neste último, o agendamento também pode ser feito pelo WhatsApp.
Descrição: localizada no Instituto de Ciências Biomédicas (ICB), o projeto disponibiliza uma psicóloga de fora da USP e uma psicanalista. Se necessário os pacientes também podem ser encaminhados para outro local. O projeto organiza eventos e cursos sobre o tema 
 
Público-alvo: somente a comunidade do ICB (alunos, docentes e funcionários)
 
Onde e quando: os atendimentos ocorrem no próprio instituto – Av. Prof. Lineu Prestes, 1374, Cidade Universitária. Os horários variam de acordo com a disponibilidade das psicólogas
 
Contato: e-mail cac_icb@icb.usp.br
Descrição: a Unidade Básica de Assistência à Saúde da Escola de Artes, Ciências e Humanidades da USP (EACH) possui uma psicóloga para atendimento, mas ela está no momento de licença médica sem previsão de retorno.
 
Público-alvo: somente comunidade USP-EACH
 
Onde e quando: A unidade é localizada no Prédio M5 e seu funcionamento é das 8h às 17h, de segunda a sexta-feira. O campus está localizado na rua Arlindo Béttio, 1000 – Vila Guaraciaba
 
Contato: (11) 2648-0033

Descrição: projeto atua dentro do Instituto de Psiquiatria (IPq) do Hospital das Clínicas, em um setor de pesquisa sobre esquizofrenia. É oferecido tratamento psiquiátrico e/ou terapêutico para quem apresenta sintomas prévios que possam levar a quadros psicóticos. O paciente se inscreve no projeto por e-mail ou WhatsApp e, caso se encaixe nas características, passa por tratamento que dura cerca de dois anos. Caso não se encaixe, o paciente pode ser encaminhado para outro local, ou recebe um direcionamento sobre quem procurar

Público-alvo: interessados que tiverem entre 14 e 30 anos

Onde e quando: o tratamento ocorre no próprio IPq, Rua Dr. Ovídio Pires de Campos, 785, nas terças e quintas das 9 às 17 horas

Contato: (11) 98582-0800 / sas.sp@terra.com.br

Descrição: o projeto organizado pela Faculdade de Odontologia não é exclusivamente voltado à saúde mental. A ideia é que os alunos possam escolher alguém com que tenham maior identificação para ser seu tutor. Nessa atividade, o estudante é auxiliado em diversos problemas relacionados à faculdade, desde questões administrativas até psicossociais. Entre os tutores que se voluntariaram, estão professores, assistentes sociais e psicólogos. Esses dois últimos também trabalham na orientação de docentes que estejam exercendo a função de tutor. Alguns casos recebem encaminhamento ou direcionamento. Para participar, basta procurar o professor desejado e ver se ele tem disponibilidade para tal, ou entrar em contato com o Centro Acadêmico que integra o projeto. O aluno também pode preencher uma ficha no site da instituição.

Público-alvo: somente alunos de graduação e pós-graduação.

Onde e quando: as conversas são informais e normalmente ocorrem na própria faculdade, localizada na rua Dr. Ovídio Pires de Campos, 785. Os horários dependem da disponibilidade dos dois envolvidos (tutor e aluno)

Contato: e-mail cgfo@usp.br ou pelo telefone (11) 3091-7819

Descrição: projeto é do Grêmio Politécnico. São organizadas terapias em grupo quinzenalmente com uma psicóloga voluntária. Além disso, ocorrem eventos e palestras sobre o assunto e também é disponibilizada para os alunos uma planilha com contatos de psicólogos que atendem gratuitamente ou com um preço acessível. A Poli também oferece cursos na cidade de Santos. Para a comunidade desse campus, são feitas mensalmente sessões de terapia em grupo pela ferramenta de conferência online Hangouts.

Público-alvo: somente comunidade USP

Onde e quando: as terapias ocorrem nas segundas-feiras, às 11 horas. O local muda constantemente, então é necessário consultar os organizadores para mais informações

Contato: página do Facebook do Grêmio ou pelo número (11) 3091-5777

Descrição: o Centro Acadêmico da Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia (FMVZ) desenvolve sessões quinzenais de terapia em grupo, coordenada por uma psicóloga contratada. Para participar, basta comparecer ao local no dia e horário do atendimento. Os temas de discussão são escolhidos na sessão anterior

Público-alvo: principalmente comunidade FMVZ

Onde e quando: os encontros ocorrem em uma sala na própria faculdade – Av. Prof. Orlando Marques de Paiva, 87, Cidade Universitária –  em terças e quintas-feiras alternadas, das 12h30 às 14 horas

Contato: (11) 99759-6773

Lorena

Descrição: em um convênio com o Centro Universitário Unisal, a Escola de Engenharia de Lorena (EEL) oferece atendimento psicológico. Todo ano, um estagiário de Psicologia da Unisal realiza o atendimento com supervisão de uma psicóloga formada. O tratamento dura em média três meses. Na primeira semana de aulas, o projeto é apresentado e o contato do estagiário responsável e de outros coordenadores é passado em sala de aula para os alunos para que possam agendar as consultas

Público-alvo: somente alunos de graduação e pós-graduação

Onde e quando: os atendimentos são feitos em uma sala no próprio campus e os horários dependem da disponibilidade de quem faz o atendimento

Contato: e-mail maribarreto@usp.br ou (12) 3159-5069

Pirassununga

Descrição: a Unidade Básica de Assistência à Saúde do campus de Pirassununga oferece atendimento psiquiátrico. No momento, um profissional está fazendo os atendimentos. O agendamento pode ser feito por telefone ou presencialmente, mas necessita de um cadastro prévio. A Ubas funciona de segunda à sexta-feira, das 7 às 11 horas e das 13 às 17 horas

Público-Alvo: somente comunidade USP Pirassununga

Onde e quando: a UBAS é localizada na Av. Duque de Caxias Norte, 225. Os agendamentos dependem da disponibilidade do profissional. O atendimento é realizado às segundas-feiras, no período da tarde, e de terça a quinta, pela manhã. O endereço é Av. Duque de Caxias Norte, 225

Contato: (19) 3565-4015 / 3565-6719

Piracicaba

Descrição: a Divisão de atendimento à Comunidade do Campus oferece um acolhimento psicológico. A princípio são realizados 4 encontros, mas caso necessário, o número pode aumentar. Atualmente uma psicóloga trabalha no local.

Público-Alvo: somente alunos de graduação e de pós-graduação

Onde e quando: as consultas são realizadas no prédio da Divisão de Atendimento à Comunidade (Alameda Principal – Agronomia). Os horários dependem da disponibilidade da psicóloga

Contato: para agendamento de consulta, é necessário preencher uma ficha presencialmente e aguardar até ser chamado. Mais informações pelo e-mail sociallq@usp.br

Descrição: a Unidade Básica de Assistência à Saúde do Campus de Piracicaba oferece atendimento psiquiátrico. Para agendamento de consultas é necessário fazer um cadastro no próprio centro médico.

Público-Alvo: somente comunidade USP Piracicaba

Onde e quando: a unidade fica na Alameda dos Alecrins. O funcionamento é de segunda a sexta, das 8 às 17 horas 

Contato:e-mail ubaslq@usp.br e (19) 34294333

Descrição: projeto é coordenado pela professora Silvia Maria Guerra Molina e oferece terapias em grupo presenciais por meio do desenho de mandalas, de exercícios de imaginação ativa e até da discussão de sonhos. Esse trabalho ajuda no processo de autoconhecimento, contribuindo para lidar com questões individuais e de grupo. A base teórica para o projeto é principalmente jungiana.

A professora disponibiliza 40 vagas, formando 4 grupos de 10 pessoas. Cada grupo faz a as atividades – que duram 2 horas – em um horário diferente. Apesar de ser do Departamento de Genética, a professora tem especializações em psicologia e conta com a supervisão e auxílio de uma psicóloga e de uma assistente social. O projeto manda por e-mail dois convites ao longo do ano para os interessados em participar de suas atividades. Quem se inscrever entra em uma lista de espera

Público-alvo: principalmente alunos de graduação e pós-graduação da USP Piracicaba

Onde e quando: O projeto ocorre em algumas salas da Divisão de Atendimento à Comunidade (Alameda Principal – Agronomia). Os horários são esses: quartas-feiras das 9h30 às 11h30; das 14h15 às 16h15; e das 16h30 às 18h30; e nas quintas feiras das 10 às 12 horas

Contatodvatcom.lq@usp.br / silviamgmolina@usp.br

São Carlos

Descrição: o grupo do Instituto de Ciências Matemáticas e de Computação (ICMC) tem uma estagiária de psicologia que realiza acolhimento e encaminhamento psicológico. É possível participar de grupos focais de discussão e frequentar eventos sobre o assunto

Público-alvo: somente comunidade do ICMC 

Onde e quando: o acolhimento é feito em uma sala no próprio instituto (Av. Trab. São Carlense, 400). Os horários mudam de acordo com o semestre. A estagiária no momento é a Giuliana Mazota, e sua disponibilidade é: às segundas, das 8 às 12 horas; terças, das 16 às 18 horas; quartas, das 10 às 12 horas; e às quintas, das 10 às 12 horas e das 16 às 18 horas. Uma sinalização na porta informa se ela já estiver em atendimento

Contato: gapsi@icmc.usp.br, para mais informações ou agendamento

Descrição: o projeto é da Escola de Engenharia de São Carlos (EESC) da USP que visa a promoção do bem-estar e da saúde mental. A partir de outubro ocorrerão práticas de meditação abertas ao público. Além disso, foram oferecidos cursos de introdução à meditação e de práticas de yoga, com 30 vagas cada, sendo 70% delas reservadas para os alunos da faculdade. Novas aulas estão previstas para o próximo semestre

Público-alvo: somente comunidade EESC e USP

Onde e quando: A prática de meditação ocorre a partir do dia 3 de outubro, todas as quartas-feiras, das 7h15 às 8 horas no ginásio do Centro de Educação Física, Esportes e Recreação (Cefer), localizado na Av. Trabalhador São Carlense, 400

Contato: e-mail  bemestar@eesc.usp.br

Descrição: a Unidade Básica de Assistência à Saúde do Campus de São Carlos possui atendimento psiquiátrico, porém no momento está com todos os agendamentos lotados. Estão previstos novos agendamentos ainda para setembro. Para mais informações entrar em contato com o local

Público-alvo: somente comunidade USP São Carlos

Onde e quando: localizada na R. Miguel Petroni, 180-212 – Jardim Bandeirantes. Seu funcionamento é das 7h45 às 17 horas 

Contato: (16) 3373-9197

Ribeirão Preto

Descrição: o serviço coordenado pela Prefeitura do Campus de Ribeirão Preto oferece atendimento psicológico e reorientação vocacional. Os atendimentos podem ser individuais ou em grupo. São dois psicólogos trabalhando no local, auxiliados por estagiários. Caso necessário, o paciente pode ser encaminhado para outro serviço

Público-alvo: somente graduandos e servidores do campus

Onde e quando:o agendamento de consultas é presencial e ocorre no primeiro dia de aula de cada semestre, na casa 32 da Rua Clóvis Vieira. Os horários dependem da disponibilidade dos psicólogos

Contato: (16) 3315-3494 e e-mail copi.pc@usp.br

Descrição: a Unidade Básica de Assistência à Saúde do campus de Ribeirão Preto não oferece atendimento psicológico ou psiquiátrico. No entanto, o local possui uma parceria com a São Francisco Saúde. Por isso, professores ou funcionários da USP podem procurar a UBAS para encaminhamento a outro local da região que integre o convênio como o Hospital São Francisco

Onde e quando: Rua Pedreira de Freitas, casa 14. O horário de funcionamento é das 7 às 17 horas.​

Contato: (16) 3315-3539 / 3315-3614

Descrição: o projeto é organizado pelo professor Cristiano Barreira, diretor da Escola de Educação Física e Esporte de Ribeirão Preto (EEFERP). O plantão psicológico é realizado por alunos de pós-graduação da Psicologia. O próprio Barreira tem especialidade na área também.

Público-alvo: somente comunidade EEFERP

Onde e quando: o plantão ocorre em uma sala na própria faculdade – Av. Bandeirantes, 3900. Os dias e horários dependem da disponibilidade dos psicólogos. Atualmente o serviço é disponibilizado esporadicamente. O próximo plantão está previsto para novembro e durará cerca de um mês, com atendimentos de duas a três vezes por semana.

Contato: thabata@gmail.com / (16) 3315.8616

Santos

Descrição: o projeto é do Grêmio Politécnico, da Escola Politécnica (Poli). São organizadas terapias em grupo quinzenalmente com uma psicóloga voluntária. Além disso, ocorrem eventos e palestras sobre o assunto e também é disponibilizada para os alunos uma planilha com contatos de psicólogos que atendem gratuitamente ou com um preço acessível. A Poli também oferece cursos na cidade de Santos. Para a comunidade desse campus, são feitas mensalmente sessões de terapia em grupo pela ferramenta de conferência online Hangouts.

Público-alvo: somente comunidade USP

Onde e quando: as terapias ocorrem nas segundas-feiras, às 11 horas. O local muda constantemente, então é necessário consultar os organizadores para mais informações

Contato: página do Facebook do Grêmio ou pelo número (11) 3091-5777

Bauru

No momento, o campus não conta com nenhum serviço específico na área de saúde mental, mas há uma parceria com o Centro de Valorização da Vida (CVV), promovendo campanhas preventivas junto a alunos e funcionários.

Foi informado ao Jornal da USP que serviços voltados para essa área estão em fase de elaboração.

Onde buscar ajuda?

Além dos serviços descritos no mapa, focados na comunidade USP, a população têm à disposição outros espaços de apoio:

• Centros de Atenção Psicossocial (Caps) e unidades básicas de saúde (saúde da família, postos e centros de saúde)

• Unidades de Pronto Atendimento (UPA) 24 horas, Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu – telefone 192), pronto socorros e hospitais

Centro de Valorização da Vida (CVV): realiza apoio emocional e prevenção do suicídio, atendendo voluntária e gratuitamente todas as pessoas que querem e precisam conversar, sob total sigilo, por telefone (número 188), email, chat e voip 24 horas todos os dias

Fonte: Ministério da Saúde

Como ajudar?

Para informar a população sobre prevenção ao suicídio, o Ministério da Saúde criou uma página na internet. Entre as sugestões para ajudar uma pessoa sob risco de suicídio estão:

• Encontrar um momento apropriado e um lugar calmo para falar sobre suicídio com essa pessoa

• Incentivar a pessoa a procurar ajuda de profissionais de serviços de saúde, de saúde mental, de emergência ou apoio em algum serviço público 

• Não deixar a pessoa sozinha se achar que ela está em perigo imediato. Procure ajuda de profissionais de serviços de saúde, de emergência e entre em contato com alguém de confiança, indicado pela própria pessoa

• Se a pessoa vive com você, assegure-se de que ela não tenha acesso a meios para provocar a própria morte (por exemplo, pesticidas, armas de fogo ou medicamentos) em casa

Conhece outros serviços? Colabore!

Neste formulário, a comunidade USP pode sugerir a inclusão de serviços que não foram mapeados em nosso levantamento, informar sobre novos serviços ou atualizar dados sobre aqueles que já constam na página. 

Todos os serviços sugeridos serão analisados pelos profissionais do Jornal da USP.

Informações Pessoais


Informações do Serviço


Conhece outros serviços? Colabore!

Neste formulário, a comunidade USP pode sugerir a inclusão de serviços que não foram mapeados em nosso levantamento, informar sobre novos serviços ou atualizar dados sobre aqueles que já constam na página.

Todos os serviços sugeridos serão analisados pelos profissionais do Jornal da USP.

Confira os textos que já sairam sobre o tema

Pesquisa e redação: André Romani
Ilustração e diagramação: Caio Vinícius Bonifácio
Supervisão: Aline Naoe, Hérika Dias e Thais H. Santos